Cassilândia, Segunda-feira, 27 de Março de 2017

Últimas Notícias

11/11/2005 06:05

Deputados retiram assinaturas; por uma a CPMI para

Juliana Cézar Nunes/ABr

A decisão sobre a prorrogação dos trabalhos da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos Correios só sairá hoje, após conferência das assinaturas. Até os primeiros minutos desta sexta-feira (11), 67 deputados encaminharam à Secretaria Geral do Senado pedidos de retirada da assinatura no requerimento que previa o funcionamento da CPMI até abril de 2006.

Outros três pedidos de retirada chegaram, mas a Secretaria os colocou sob condição, para posterior conferência de que as assinaturas são mesmo de próprio punho do parlamentar. No final das contas, por uma assinatura – são necessárias 171 e ficaram 170 –, a CPMI pode não ter continuidade em 2006. A originalidade de todas assinaturas será conferida eletronicamente nos pedidos de retirada de consentimento ou mesmo nas solicitações de apoio à prorrogação da CPMI dos Correios.

Na tentativa de manter a prorrogação da CPMI dos Correios, cujos trabalhos têm data de encerramento marcada para o dia 11 de dezembro, o líder do PSDB na Câmara, deputado Alberto Goldman (SP), chegou a apresentar às 23h59 – um minuto antes do prazo limite – 20 novas assinaturas em apoio ao requerimento, mas o número não foi suficiente para evitar o cancelamento da prorrogação.

A situação ainda pode ser revertida, com apresentação de novo requerimento de adiamento até a data de conclusão dos trabalhos da comissão. Na manhã de ontem (10), quando o requerimento de prorrogação da CPMI foi lido no plenário do Senado, 217 deputados e 32 senadores apoiavam a ampliação do prazo de funcionamento da comissão.

A maioria dos deputados que retiraram assinatura ao longo do dia pertence ao PMDB, PP e PTB, partidos da base aliada do governo. "Resta saber qual foi o carinho que o governo fez para convencer esses deputados a retirar as assinaturas", ironizou o líder do PSDB na Câmara, deputado Alberto Goldman.




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 27 de Março de 2017
Domingo, 26 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 25 de Março de 2017
21:10
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)