Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

18/10/2016 15:00

Deputados pedem mudanças na área de saúde e na carreira médica

Agência Câmara

Durante sessão solene em homenagem ao Dia do Médico (18 de outubro), deputados criticaram o atual sistema de saúde e pediram mudanças em vários setores.

Autor do requerimento para a homenagem, Izalci (PSDB-DF) defendeu a criação de carreira de Estado para esses profissionais e criticou o programa Mais Médicos.

Segundo ele, o programa “financia a ditadura cubana". O deputado criticou ainda o atendimento, pela rede pública, à população do Distrito Federal

Hiran Gonçalves (PR-RR), que é oftalmologista, apontou a necessidade de debater o Sistema Único de Saúde (SUS). “O SUS não é igual para todos, não dá para fazer medicina como está previsto na Constituição, o dinheiro não é suficiente.”

O deputado criticou proposta de formação de peritos em áreas da saúde, como fisioterapia, terapia ocupacional e psicologia, que, segundo ele, são privativas de médicos.

Em mensagem enviada à sessão, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disse que os médicos se submetem a condições de trabalho estressantes e enfrentam precariedades, como falta de material. “Esses profissionais se dedicam anos na faculdade, fazem residência, em alguns casos trabalham em jornada dupla para compensar os baixos salários, e ainda assim se devotam integralmente aos seus pacientes”, elogiou

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)