Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/12/2007 13:27

Deputados aprovam projeto do IPVA, mas rejeitam emendas

Paulo Fernandes - Campo Grande News

Os deputados estaduais aprovaram na sessão de hoje nove projetos, entre eles o PL 195/07, do Poder Executivo, que mantém o valor das alíquotas de IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor), sem o desconto que será concedido por meio de decreto e rejeitaram as emendas do deputado estadual Pedro Kemp (PT) que mantinha o desconto de 50% para veículos comprados no estado, e que determinavam o pagamento de alíquota maior para automóveis de outras Unidades da Federação. O projeto foi aprovado em segunda votação e segue para sanção do governador André Puccinelli.

Na votação do projeto, a voz destoante ficou por conta do PT, através dos seus três deputados. Os petistas Pedro Kemp, Pedro Teruel e Amarildo Cruz usaram a palavra para defender o direito deles, como parlamentares de oposição, de duvidar que o governador mantenha o desconto de 50% durante todo o mandato. Mas o líder do governo, Youssif Domingos (PMDB), lembrou que o desconto também era determinado através de decreto no governo anterior, de Zeca do PT.

Outra proposta aprovada, esta por unanimidade em primeira votação, foi o PL 220 que cria quatro cargos no Tribunal de Justiça, ampliando de 25 para 29 o número de desembargadores. Os deputados também aprovaram a o PL 199/07 que cria os cargos de escrevente e agente de apoio operacional na estrutura do Poder Judiciário.

Também foi aprovada em segunda votação foi o PL 189, de Reinaldo Azambuja (PSDB), que prevê a isenção do programa de taxa para confecção de segunda via de documentos de pessoas idosas ou carentes que tenham sido alvo de ações criminosas.

O PPA (Plano Plurianual) para o exercício financeiro de 2008 a 2011 foi outra proposta aprovada em primeira votação e por unanimidade; assim como o PL 204/07, do deputado Coronel Ivan (sem partido), que institui o serviço voluntário na Polícia Militar e Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul. Os deputados também votaram a denominação de ponte e de prédio, indicações diversas e moções de congratulações.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)