Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

30/09/2005 06:41

Depois do sufoco, Brasil está na final do Mundial Sub-17

CBF News

A Seleção Brasileira Sub-17, que detém a hegemonia no mundo na categoria, com três títulos conquistados, está na final do Mundial do Peru, que será disputada domingo, no Estádio Nacional de Lima, na partida contra o México, às 20 horas de Brasília.

O direito de tentar a conquista do tetracampeonato mundial foi obtido na semifinal desta quinta-feira, na cidade de Trujillo, em jogo emocionante, que terminou com a vitória do Brasil por 4 a 3, depois de fazer 3 a 0 no primeiro tempo. Na segunda fase, mesmo com 10 jogadores, devido à expulsão de Ferin, os turcos reagiram, conseguiram o empate em 3 a 3, mas acabaram batidos no final pelo futebol de maior categoria do Brasil.

Igor fez 4 a 3 aos 44 minutos do segundo tempo, concluindo jogada de Anderson, o melhor jogador em campo e autor ainda de um belo gol. Celso e Marcelo fizeram os outros gols.

O Brasil superou os turcos com uma excelente atuação, marcada por momentos de demonstração de talento e jogadas que comprovaram a técnica incomparável do jogador brasileiro. Foi, na verdade, um show de bola - principalmente nos primeiros 45 minutos - e que só não terminou em goleada, a despeito da heróica reação do adversário, devido à quantidade de oportunidades claras desperdiçadas em todo o jogo pela Seleção Brasileira.

A vitória do Brasil se tornou mais expressiva ainda em razão do impressionante poder de reação dos turcos. Mesmo com um jogador a menos, e sendo atacado seguidamente, o adversário lutou até o final, o que o levou a conseguir o placar de 3 a 3, aos 30 minutos do segundo tempo, quando tudo indicava uma vitória fácil do Brasil.

Os turcos lutaram, mas a Seleção Brasileira mostrou a superioridade do seu futebol para chegar merecidamente à quarta final de um Mundial. O time, na partida desta quinta-feira, foi conduzido à vitória por Anderson, que com suas arrancadas, dribles e passes precisos foi o grande destaque da noite - uma atuação em que envolveu completamente quem tentou marcá-lo, a ponto de provocar a expulsão do capitão turco, que o atingiu depois de ser mais uma vez driblado.

Anderson fez mais: cobrou falta no travessão, deu passe para dois gols e foi o autor de um belo gol, o segundo do Brasil, que teve a sua marca, entrando em velocidade na área, driblando dois adversários, antes de chutar de maneira indefensável.

Na saída da bola, o primeiro gol, de Celso

O jogo começou a ser decidido em seu primeiro lance. Aos 12s, depois de receber de Anderson, Celso chutou colocado, com categoria, para fazer 1 a 0.

Os 2 a 0, com Anderson, aconteceram aos 26, e quatro minutos depois Marcelo fez o terceiro, em lance em que o goleiro turco falhou.

Com os 3 a 0 no placar, parecia que a goleada viria com naturalidade. Poderia realmente ter acontecido, não fossem os muitos gols perdidos e a desatenção no sistema defensivo, o que possibilitou à Seleção Turca se encorajar para tentar reagir.

Reação que começou no primeiro minuto do segundo tempo, com o gol de Erkin. O Brasil continuou melhor, mas levou ao segundo gol, marcado por Tevfik, aos 24 minutos, com uma cabeçada.

O segundo gol da Turquia desarrumou por instantes o time brasileiro. As jogadas passaram a sair com dificuldade, até que seis minutos depois houve o empate. Nuri tentou o cruzamento e acabou enganando o goleiro Felipe, para estabelecer o empate em 3 a 3.

O resultado era, mais do que surpreendente, inexplicável, tamanho o domínio do Brasil na maior parte do tempo. Quando o jogo parecia caminhar para a prorrogação, Anderson entrou em cena outra vez, para deixar Igor, livre, em condições de empurrar a bola para fazer os 4 a 3, aos 44 minutos do segundo tempo.

Estava garantida a presença na final de domingo, quando o Brasil tentará mais um tetracampeonato mundial, dessa vez na categoria Sub-17, enfrentando o México. Também no domingo, em Lima, às 17 horas de Brasília, Holanda e Turquia disputam o terceiro lugar do Mundial do Peru.

O Brasil venceu a Turquia por 4 a 3 com Felipe, Leyrielton, Simões, Samuel e Marcelo; Roberto, Denílson, Celso e Ramon (Maurício); Anderson e Igor (Vinícius).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)