Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

15/12/2010 17:29

Depois do aumento em Brasília, projeção é para possíveis aumentos na Assembleia e nas câmaras

Paulo Fernandes, Campo Grande News

O reajuste de 61,8% nos salários dos deputados federais, aprovado por eles mesmos nesta quarta-feira, pode gerar um efeito cascata nas despesas com salários na Assembleia Legislativa e das câmaras municipais de Mato Grosso do Sul. O impacto poderá chegar a R$ 29.217.427, segundo as contas da CNM (Confederação Nacional dos Municípios).

Os deputados estaduais podem receber até 75% dos salários dos deputados federais. Já os vereadores, podem fixar seus salários entre 20% e 75% do valor dos deputados estaduais, dependendo do número de habitantes do município.

Na Assembleia Legislativa, ainda não tramita nenhum projeto de reajuste. No entanto, se houver acordo entre os deputados, uma proposta poderá ser apresentada nesta quinta-feira, tramitar nas comissões e ser votada no mesmo dia.

Regimentalmente, o recesso na Assembleia começa dia 23, mas a previsão é de que os trabalhos terminem amanhã mesmo.

O salário dos deputados estaduais é de R$ 12.375 e equivale ao teto de 75% do salário dos deputados federais, de R$ 16.500. Com o aumento do salário daqueles congressistas para R$ 26.700, os salários na Assembleia podem chegar a R$ 20.025,00.

Confirmando o reajuste, o custo adicional na Assembleia Legislativa passará a ser de R$ 2.985.813 por ano.

Câmaras - O impacto maior, que pode chegar a R$ 26.231.614 em Mato Grosso do Sul, seria com as câmaras municipais.

De acordo com o primeiro secretário da Câmara Municipal de Campo Grande, João Rocha (PSDB), um possível reajuste será discutido amanhã durante a sessão legislativa.

Os vereadores da Capital recebem salário de R$ 6,5 mil. “Temos que levar em conta o duodécimo, que teve queda de 4,5%, e o custeio da Casa. O reajuste está amparado na legislação, mas temos que ter responsabilidade”, afirmou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)