Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

05/07/2012 16:49

Depois de 12 anos, Palmeiras inicia decisão com tarimbado Coritiba

FPF

A noite desta quinta-feira marcará o início da decisão da Copa do Brasil 2012. De um lado, o Palmeiras, campeão do torneio em 1998 e que, após 12 anos, volta a decidir uma competição nacional de elite — a última vez foi na conquista da Copa dos Campeões, em 2000. Do outro, o Coritiba (PR), vice-campeão no ano passado, quando viu o Vasco erguer a taça, e que tenta mais uma vez alcançar o título inédito. Neste, que será o primeiro de dois confrontos, as duas equipes se enfrentam às 21h50, nos gramados da Arena Barueri.

Em meio à possibilidade de encerrar um jejum de títulos nacionais que já dura mais de uma década, o Palmeiras direciona todo o seu foco para a decisão da Copa do Brasil. Mesmo assim, apesar de ainda integrar a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o time alviverde conquistou — no último final de semana, atuando com um time misto — a primeira vitória na competição de pontos corridos, fato que garantiu um pouco mais de tranquilidade ao técnico Luiz Felipe Scolari e seus comandados.

Outra boa notícia para o Palmeiras é o volante Marcos Assunção. Recuperado da contusão que o tirou do segundo confronto contra o Grêmio (RS) — na fase semifinal —, o atleta deve reforçar a equipe paulista nesta quinta-feira. “Estou bem. Faz uma semana que treino todos os dias, de manhã e de tarde. Eu não senti nada nesses últimos treinamentos com bola, fisicamente também não. É importante estar em um jogo como este. Todo jogador gosta de estar em uma final, principalmente depois de tanto tempo. Me esforcei ao máximo para poder disputar essa decisão”, afirmou o camisa 20 palmeirense.

Em contrapartida, o Palmeiras terá uma importante baixa no setor ofensivo. O argentino Barcos, referência no ataque palmeirense e artilheiro da equipe na temporada, sofreu uma crise de apendicite e — mediante a necessidade de operação — ficará de fora nos dois confrontos da final. Para a vaga, Luiz Felipe Scolari pode optar pelo centroavante Betinho, único atleta do elenco com características táticas semelhantes às de Barcos, ou entrar com Maikon Leite — nesse caso, atuando sem um atacante de área.

Além disso, o zagueiro Henrique, que vinha jogando como volante e sendo considerado peça chave no esquema tático de Luiz Felipe Scolari, cumprirá suspensão pelo cartão vermelho recebido diante do Grêmio, no empate por 1 a 1 que garantiu o Palmeiras na fase final da competição. A diretoria do clube tentou a absolvição de Henrique junto à CBF, mas o zagueiro só está liberado para disputar o segundo confronto, em Coritiba (PR). Com isso, o volante Márcio Araújo deve retornar à condição de titular.

Para a partida desta quinta-feira, a única dúvida do Palmeiras gira em torno do zagueiro Maurício Ramos. No jogo contra o Figueirense, o atleta foi substituído ainda no primeiro tempo com um incômodo na coxa direita. Após realizar exames no departamento médico do clube, nenhuma lesão grave foi constatada e o zagueiro inclusive treinou normalmente na terça-feira, mas ainda não está confirmado para o primeiro jogo da decisão.

Finalista da Copa do Brasil pelo segundo ano consecutivo, o Coritiba tem se mostrado um verdadeiro especialista em competições de mata-mata, chegando inclusive na semifinal da disputa em 2009. Considerado o grande responsável por esses números, o técnico Marcelo Oliveira prefere esquecer o retrospecto e aponta a concentração como fundamental por um bom resultado no primeiro jogo. “Às vezes você perde de 2 a 1 em uma circunstância difícil, mas traz para diante da torcida. Agora, tentar ganhar e abrir muito e perder o jogo com o placar mais elástico é complicado. É uma competição muito diferente, inclusive que o Scolari está muito acostumado. Por isso a gente tem que estar mais atento ainda”, afirma.

Marcelo Oliveira pode ter até três desfalques para a primeira partida da decisão. Após sofrer uma pancada na partida contra o São Paulo, pelo nacional, o lateral-direito Ayrton confirmou por meio de sua conta no Twitter que não se recuperou a tempo para o confronto. Quem também não deve jogar é o centroavante Marcel, que sofreu um estiramento no músculo posterior da coxa direita. O atleta, contudo, vinha ficando no banco de reservas nos últimos jogos. Já o atacante titular Roberto sentiu dores na coxa esquerda e segue como dúvida. Caso o jogador não atue, o comandante deve colocar o volante Gil e diminuir um homem do setor ofensivo.

Durante toda a história da Copa do Brasil, Palmeiras e Coritiba se enfrentaram em duas oportunidades, com uma classificação para cada lado. O alviverde paulista se saiu melhor nas oitavas de final de 1997, com duas vitórias. O adversário, por sua vez, deu o troco na última edição do torneio e superou o Palmeiras num dos resultados mais elásticos da história das quartas de final. A goleada por 6 a 0 no Paraná deixou o time tranquilo para o jogo de volta, que mesmo perdendo por 2 a 0, ficou a vaga na semifinal.

Ficha técnica

Palmeiras: Bruno; Artur, Thiago Heleno, Maurício Ramos (Adalberto Román) e Juninho; Márcio Araújo, Marcos Assunção, João Vitor e Valdívia; Maikon Leite (Betinho) e Mazinho.
Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Coritiba: Vanderlei; Jonas, Émerson, Pereira e Lucas Mendes; Willian, Júnior Urso, Gil, Rafinha e Éverton Ribeiro; Éverton Costa.
Técnico: Marcelo Oliveira.

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO/ASP-FIFA)
Assistentes: Alessandro A. Rocha de Matos (BA/FIFA) e Fabricio Vilarinho da Silva (GO/FIFA);
Quarto árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO);
Quinto árbitro: João B. Nobre Chaves (SP);
Local: Arena Barueri, em Barueri;
Data: dia 5 (quinta-feira), às 21h50.

Acompanhe pela Rádio Patriarca

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)