Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

09/09/2011 14:20

Denúncia de furto feita por dono levou polícia à fábrica de DVDs piratas

Campo Grande News/Aline dos Santos

O fechamento de uma fábrica de CDs e DVDs piratas ontem no bairro Mata do Jacinto teve um auxílio inusitado e fundamental: do próprio dono. Geyson Laras Ribeiro, de 32 anos, registrou, na 3ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande, furto de notebook e R$ 8 mil. O material foi encontrado em Sonora.

“A delegacia de Sonora obteve a informação da fábrica em Campo Grande e fomos ao local”, afirma o delegado Márcio Custódio. No local, havia equipamentos para cópias e embalagens dos produtos piratas. Geyson afirmou ter 20 mil CDs e DVDs na fábrica. Distribuído em 16 caixas, foram apreendidos 9.600 CDs virgem.

Devido à grande quantidade, o total será calculado por pesagem. Apesar do volume, o dono negou vender por atacado. Ele disse à polícia que tem bancas em feiras livres e que, eventualmente, vendia um número maior de produtos piratas para outros vendedores ambulantes.

De acordo com o delegado, a fábrica funcionava na edícula do imóvel, mas havia material distribuído por toda a casa. Geyson Laras Ribeiro e Edimaria Caires Simões, de 31 anos , foram presos em flagrante.

Ele também confessou ser dono de um revólver calibre 38. A arma estava no seu veículo, uma Kombi. A polícia ainda apreendeu R$ 5.900 na casa. Segundo o delegado, o dono da fábrica calculou prejuízo de R$ 53 mil ao ser alvo da ação policial.

O casal foi enquadrado no crime de violação de direito autoral com intuito de lucro, que tem pena de 2 a 4 anos de reclusão. Foi arbitrada fiança de R$ 2.180 para Edimaria e de R$ 4.360 para Geyson. O valor foi pago e eles vão responder ao processo em liberdade.

O material apreendido será destruído, mediante autorização da justiça, e os resíduos doados para reciclagem.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)