Cassilândia, Sábado, 26 de Maio de 2018

Últimas Notícias

24/06/2013 22:06

Dentista pagará indenização por serviço não prestado

Bruna Girotto

Sentença proferida pelo juiz titular da 11ª Vara Cível de Campo Grande, José Eduardo Neder Meneghelli, condenou um dentista da Capital a restituir o valor de R$ 5.000,00 que foi pago pela autora da ação, A.R., por um serviço odontológico não prestado, além do pagamento de danos morais no valor de R$ 4.000,00 e a devolução de cinco folhas de cheques pré-datados.

Alega a autora que em outubro de 2011 contratou os serviços do dentista para que fosse realizado um implante dentário. Sustentou que o valor do contrato foi de R$ 12.250,00 que foram pagos mediante uma entrada de R$ 5.000,00 no dia 4 de outubro de 2011 e cinco parcelas de R$ 1.450,00 em cheques pré-datados para o mesmo dia do mês subsequente. No entanto, narra a autora que o serviço não foi agendado e nem realizado, mesmo após várias tentativas frustradas e assim, em novembro de 2011 solicitou a restituição dos valores pagos, o que não ocorreu.

Contou ainda a autora que procurou o Procon, como também o Conselho Regional de Odontologia, entretanto, o réu não atendeu ao chamado de nenhum dos órgãos. Desse modo, ela ingressou com a ação contra o dentista pedindo pela restituição do valor da entrada, a devolução das cinco folhas de cheques e a condenação do réu ao pagamento de R$ 24.500,00 por danos morais, além do pagamento de custas e honorários advocatícios. Regularmente citado, o dentista não ofertou contestação, tornando-se, assim, revel.

Para o juiz, “No presente caso, a parte autora, ao contratar os serviços do requerido, o fez com base na confiança que possuía no profissional. Ele, por sua vez, nem sequer iniciou o tratamento contratado, não se configurando assim, defeito na prestação do serviço, mas sim, não execução do serviço”.

E ainda, continuou o juiz, os documentos juntados pela autora demonstraram que houve o orçamento do serviço dentário e o pagamento de R$ 5.000,00 de entrada, “fato este, incontroverso, tanto pelos documentos, quanto pela revelia do requerido”, frisou o juiz. Desse modo, restando comprovado o dano sofrido pela autora, cabe assim a restituição do valor pago.

Quanto ao pedido de danos morais, o magistrado analisou que “a autora enfrentou uma verdadeira peregrinação na busca da realização do serviço. Não bastasse a não efetivação do tratamento, enfrentou outra peregrinação para solucionar o problema e restituir o valor pago, indo ao Procon, indo ao Conselho Regional de Odontologia e, por fim, procurando um advogado para tentar resolver o problema judicialmente, o que lhe acarretou inegáveis angústias, constrangimentos e humilhações. Por isso, é de rigor reconhecer a ocorrência de dano moral”.

Autor da notícia: Secretaria de Comunicação Social

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 26 de Maio de 2018
Sexta, 25 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)