Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/01/2007 14:06

Dengue: Médico alerta para "assustadores” de mosquito

Campo Grande News/Aline dos Santos

O diretor-executivo da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), Salim Chiade, alerta que para combater a dengue o essencial é eliminar possíveis criadouros para o mosquito Aedes aegypt. Medidas em voga, como uso da citronela e óleo de neem (inseticida extraído de uma árvore), servem apenas para afugentar o mosquito, mas não elimina o transmissor da dengue. “O veneno utilizado no fumacê imobiliza o mosquito, que sem bater as asas não consegue respirar e morre”, explica.

Ele enfatiza que a contenção da epidemia passa por duas ações: eliminar o mosquito adulto e também os focos da doença. O primeiro é possível pela passagem do fumacê, já o segundo exige ação humana, pois o veneno não atua nas três fases – ovo, larva e pupa – que precedem a formação do mosquito adulto. Ele pondera que o ideal é que a população não deixe expostos recipientes que acumulem água. Nos vasos de planta, por exemplo, pode ser colocado areia ou borra de café.

Campo Grande registra no mês de janeiro 6.225 notificações de dengue. Conforme relatório apresentado pelo secretário municipal de Saúde, Luiz Henrique Mandetta, durante audiência pública na Câmara Municipal, os picos de notificações aconteceram nos dias 16,17 e 18 deste mês. O gráfico apresenta redução nos últimos dias, “início de um declínio no número de casos”, acredita o secretário. A área com mais notificações é a região do bairro Aero Rancho e a faixa etária mais atingida vai dos 20 aos 39 anos. O período de maior atividade do mosquito fêmea, transmissor do vírus, é nas primeiras horas da manhã e no fim da tarde.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)