Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

Últimas Notícias

18/08/2005 10:16

Delúbio: Marcos Valério decidia as agências bancárias

Agência Senado

Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT, disse há pouco aos membros da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito do Mensalão que era o empresário Marcos Valério quem decidia em qual agência bancária eram pagos os recursos para pessoas e partidos por ele designados. Segundo Delúbio, havia uma relação de confiança entre os dois, e ele apenas informava a Valério as pessoas a quem deveriam ser pagos os valores. Era Valério, no entanto, quem resolvia quais agências bancárias seriam utilizadas para pagar os recursos. Esclareceu também que somente ele, Delúbio, autorizava os pagamentos, e que ninguém mais no partido decidia sobre os empréstimos feitos pelo PT.

O relator da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito do Mensalão, deputado Ibrahim Abi-Ackel (PP-MG), ao questionar o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, disse que Delúbio expôs os deputados do PT, comprometendo-os, pois não se preocupou com a proteção dos membros do partido. O relator fez essa observação ao comentar o fato de Delúbio ter feito empréstimos em nome do partido e de ter designado pessoas para receber dinheiro do empresário Marcos Valério. Disse ainda que Delúbio está entrando em contradição em seu depoimento sobre a questão dos empréstimos feitos nas campanhas do PT.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)