Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

08/07/2009 15:44

Delegado diz que depoimentos podem levar a novas prisões

Fernanda França, Campo Grande News

O delegado Bráulio Galloni afirmou nesta quarta-feira que a Operação Owari, deflagrada ontem pela Polícia Federal, pode resultar em novas prisões, a partir dos depoimentos de quatro pessoas detidas nesta terça-feira. Elas permanecem na sede da PF prestando esclarecimentos.

A operação resultou na prisão de 41 pessoas em Dourados, Naviraí, Campo Grande, Ponta Porã, Umuarama e Guaíra (PR).

Deste total, 17 homens estão reclusos na Penitenciária de Segurança Máxima Harry Amorin Costa, em Dourados, de acordo com o site Dourados Agora.

Mulheres detidas ontem foram conduzidas para os presídios de Rio Brilhante e de Ponta Porã. O delegado não revelou nomes e nem a quantidade de pessoas do sexo feminino estão presas.

Dois dos que foram detidos para averiguação – o ex-secretário de Saúde, João Paulo Esteves e o presidente da Câmara de Dourados, Sidlei Alves (DEM) – foram liberados por meio de habeas corpus.

As acusações envolvem crimes de formação de quadrilha, agiotagem, exercício ilegal de atividade financeira, fraude em licitações e corrupção, entre outros crimes.

Há dois anos a polícia investigava a rede que fraudava licitações em Dourados e outros municípios de Mato Grosso do Sul. O prejuízo aos cofres públicos gira em torno de R$ 20 milhões. Colaborou Sidney Bronka.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)