Cassilândia, Quarta-feira, 23 de Maio de 2018

Últimas Notícias

29/11/2007 07:41

Delegado deixa cargo após declaração

Mariana Jungmann /ABr

Brasília - O delegado-geral da Polícia Civil do Pará, Raimundo Benassuly, deixou ontem (28) o cargo por causa das declarações sobre a adolescente presa numa cela com homens de Abaetetuba (PA). Em audiência anteontem (27) no Senado, ele afirmou que a jovem sofreria de deficiência mental por não ter informado que era menor de idade enquanto estava detida.

De acordo com nota oficial divulgada pelo governo do Pará, o atual delegado-geral adjunto, Justiniano Alves Júnior, assumiu interinamente o cargo. Benassuly reconheceu que se expressou de maneira inadequada e colocou o cargo à disposição da governadora Ana Júlia Carepa, que aceitou o afastamento e considerou que a permanência do delegado tornou-se insustentável.

Segundo o comunicado, a governadora determinou que a carceragem da delegacia de Abaetetuba, onde a jovem ficou presa por cerca de um mês com 20 homens, seja desativada e demolida. No lugar, será construído um centro de triagem com espaço adequado para homens e mulheres presos.

Como a Agência Brasil antecipou na sexta-feira (23), os laudos do Instituto Médico Legal do Pará, divulgados hoje (28) pela Polícia Civil do estado, atestam que a adolescente tem entre 15 e 17 anos. Os exames também constataram lesões corporais e sinais de abuso sexual, mas deram negativo para gravidez e doenças sexualmente transmissíveis.

Os resultados foram anunciados pelo delegado Justiniano Alves Júnior. A adolescente foi incluída no Programa de Proteção à Crianças e Adolescentes Ameaçados de Morte, da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República. Com isso, ela, o pai e a madrasta foram retirados do estado. A mãe e os irmãos da jovem estão sob proteção da Polícia Federal.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 23 de Maio de 2018
Terça, 22 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)