Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/08/2008 07:56

Delegação reclama de veto a cavalo de atleta de MS

Aline Santos/Campo Grande News

A delegação brasileira de hipismo se disse surpresa com a decisão da comissão veterinária e do júri de campo dos Jogos Olímpicos de Pequim, que vetou ontem o cavalo Nilo V.O, montaria do atleta sul-mato-grossense Rogério Clementino. O cavaleiro, natural de Ivinhema e criado em Tacuru, foi medalha de bronze no Pan do Rio de Janeiro.

“Foi um baque terrível. Rogério é uma pessoa querida e todos estão muito tristes. O cavalo realmente não havia se apresentado bem na inspeção de domingo e seria reavaliado hoje. Hoje ele estava muito melhor e tinha condições de competir”, lamentou em nota o chefe da delegação brasileira de hipismo, coronel Salin Nigri.

Conforme o site do Estadão, os juízes alegaram que o animal apresentou um trote irregular. A decisão é irreversível em função das regras da modalidade. Com o desfalque o Brasil só competirá individualmente com os conjuntos Luiza Almeida/Samba e Leandro Aparecido/Oceano do Top.

O cavalo de Rogério é um puro sangue lusitano. A avaliação pela qual passou Nilo é rigorosa, porque tem o objetivo de resguardar a sanidade e o bem estar dos animais, explica a delegação, em nota enviada à imprensa.

"A decisão do júri surpreendeu não só a nós brasileiros, mas também a outras delegações. Ninguém esperava que o Nilo fosse reprovado", comentou o veterinário da equipe hípica nacional, Thomas Wolff .

O País competiria pela primeira vez por equipes em olimpíadas no Adestramento. Com a baixa de Rogério Clementino, o Brasil irá igualar sua participação com as de Munique 1972 e Sydney 2000.

Na última sexta-feira (08/08), a égua Butterfly, montaria do cavaleiro Fabrício Salgado, também não havia passado na inspeção veterinária do Concurso Completo de Equitação.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)