Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

03/07/2005 13:59

Delcídio quer acelerar votação do projeto de lei

Agência Brasil / Alana Gandra

O relator do projeto de lei que cria a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), senador Delcídio Amaral (PT/MS), reúne-se nesta semana com os presidentes de comissões do Senado que analisam a matéria para tentar obter um texto de consenso e acelerar a aprovação. O projeto que cria a Anac está sendo debatido desde o ano 2000. Segundo o relator, entre as obrigações da Agência estão a criação de um ambiente favorável aos investimentos, com mais autonomia, redução de custos de capital, correção das falhas do mercado, promoção de concorrência e defesa dos interesses dos usuários.

Delcídio comprometeu-se com várias lideranças da Câmara de Comércio Americana, na semana passada, a submeter o texto de criação da Anac à sociedade civil e representantes do empresariado, em audiências públicas, "para deixar o projeto o mais próximo possível daquilo que o setor espera". O relator disse, ainda, que buscará a articulação com a Câmara dos Deputados para que o texto não sofra modificações, o que poderá atrasar ainda mais a aprovação do projeto, que ele considera muito importante para a aviação comercial e a indústria aeronáutica brasileira.

A autorização para o Executivo negociar as dívidas das empresas do setor aéreo como se fosse um "grande encontrão de contas" foi retirada do texto original ao longo das discussões nas comissões do Senado, mas segundo o relator esse assunto poderá voltar à tona. "Isso é importante porque mexe no passivo das empresas e num momento fundamental para a Varig em função de todas as providências que foram tomadas pela atual direção da companhia", disse.

Ele reconheceu que a Advocacia Geral da União (AGU) é contra essa possibilidade, mas destacou que isso "é uma decisão de governo". Delcídio é favorável ao "encontrão de contas" para resolver a dívida da aviação comercial brasileira. Segundo ele, é o ministro da Fazenda, Antonio Palocci, quem deverá avaliar a questão, tendo em vista o passivo de cerca de R$ 2,5 bilhões. "É um valor considerável."

Delcídio garantiu que o Legislativo vai atuar fortemente no sentido de aprovar o "encontrão de contas". "Estou vendo o movimento dos senadores preocupados com essa situação. Então, vão surgir propostas de mudança do texto ou emendas para se acrescentar algumas sugestões no sentido de buscar uma solução para a aviação civil brasileira."

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)