Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

22/10/2008 10:23

Delcídio propõe reduzir em 20% despesa do governo

Cadú Bortolotto

O relator-geral do Orçamento da União de 2009, senador Delcídio do Amaral (PT/MS) apresentou nesta terça-feira, 21, ao presidente da Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional o relatório preliminar do Orçamento, que , entre outras providências, propõe um corte de 20 % nas despesas de custeio da máquina administrativa – água, luz, telefone etc... – e nas ações previstas no PPI – Projeto Piloto de Investimentos Públicos, que engloba programas desenvolvidos pelos Ministérios dos Transportes, Cidades e Integração Nacional.

A redução, se for efetivada, chegará a R$ 13 bilhões. O objetivo é adequar as despesas do governo a uma possível queda na arrecadação de impostos, em função da crise financeira internacional. O documento não define onde ocorrerão os cortes. Segundo Delcídio, isso será conversado com os ministérios, e objeto de acordo com o governo em função de alguma mudança no quadro econômico.

“E preciso deixar claro que o relatório preliminar é um documento conceitual, ou seja, ele cria as premissas e referências para que os relatores setoriais das diferentes áreas (saúde, transportes, educação etc...) possam trabalhar no Orçamento. Vamos consolidar tudo em dezembro, quando submeteremos à apreciação do plenário o relatório final”, explicou o relator.

Delcídio preservou na proposta preliminar de Orçamento o valor definido pelo governo para o salário mínimo em 2009 ( R$ 464,72), o total de emendas individuais que cada parlamentar terá direito ( R$ 8 milhões), as verbas para pagamento dos Programas Sociais e os investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento-PAC.

O senador disse que o relatório preliminar é conservador e realista.

“Não podemos, por exemplo, em um momento como esse, em que a sociedade exige austeridade, aumentar o valor das emendas individuais para R$ 10 milhões ou R$ 12 milhões. Temos que esperar para ver como as coisas se delineiam e se teremos condições de manter o que foi previsto, para adequar o Orçamento à realidade”, ponderou.

De acordo com Delcídio, o corte de 20 % no PPI está sendo proposto com base em uma análise da execução anual do projeto, que tem sido , em média , de 80 %.

“Espero que não precisemos chegar a esse nível de redução, mas se , efetivamente, as perspectivas de arrecadação se alterarem, vamos ter que fazer alguns ajustes”, declarou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)