Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

01/04/2009 17:46

Delcídio pede grupamento aéreo para região de fronteira

Paulo Nonato de Souza, Campo Grande News

O grupamento aéreo da Força Nacional poderá implantar uma base em Mato Grosso do Sul, com a missão de combater o narcotráfico e o contrabando nas fronteiras com Paraguai e Bolívia.

Pedido nesse sentido foi apresentado pelo senador Delcídio do Amaral (PT/MS) ao Secretário Nacional de Segurança Pública, Ricardo Brisolla, durante audiência esta semana em Brasília.

“Argumentei com o secretário que as Forças Armadas, resguardando as nossas fronteiras, e as Polícias Federal e Rodoviária Federal, combatendo o narcotráfico e o contrabando, fazem um trabalho competente, mas a grande extensão de fronteira com a Bolívia e o Paraguai dificulta bastante o patrulhamento. Se pudermos contar com o reforço da Força Nacional, com certeza a vigilância e o combate a esses crimes vão aumentar ainda mais, com reflexos positivos até nas operações das polícias civil e militar”, acredita o senador.

Delcídio pediu, também, a Brisolla, um helicóptero, viaturas e fuzis para a polícia estadual, além da construção de um novo presídio na fronteira com a Bolívia.

“Em função do trabalho sempre atento das forças de segurança na repressão ao contrabando e ao tráfico de drogas, os dois presídios atualmente existentes em Corumbá estão sempre superlotados, com um número de detentos muito acima de sua capacidade. O presídio masculino, por exemplo, abriga aproximadamente 500 presos, quando foi concebido para receber no máximo 180. Por isso é fundamental a construção de uma nova penitenciária, porque a tendência da população carcerária é crescer ainda mais”, ponderou o senador.

Delcídio defendeu ainda a criação de um programa do Ministério da Justiça voltado especificamente para a segurança pública em regiões de fronteira, pedido que Delcídio sistematicamente faz às autoridades federais.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)