Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

22/03/2005 08:07

Dekasseguis vão ter mais apoio para investir em MS

Contexto Assessoria

Sebrae/MS e mais 46 entidades vão implantar a partir de hoje e até 2007 ações que visem facilitar a vida dos dekasseguis que voltam do Japão com o objetivo de investir em Mato Grosso do Sul. O projeto que vai implantar essas ações foi assinado hoje, dia 21 de março, na sede da entidade em Campo Grande. O superintendente do Sebrae/MS, Laurindo Petelinkar, representantes de bancos, universidades, associações, prefeituras e dekasseguis estiveram presentes para assinar o documento que estipula prazos e diretrizes para cada atividade.



O superintendente do Sebrae/MS, Laurindo Petelinkar, salientou a importância que a comunidade dekassegui tem para a economia do Estado e do País e por isso a necessidade de apresentar propostas e acompanhamento a seus empreendimentos. “O projeto está formato com diretrizes que não permitem que as propostas se percam pelo caminho”, disse.



Mato Grosso do Sul possui cerca de 65 mil descendentes de japoneses e cerca de 12 mil vivem atualmente no Japão e remetem recursos mensalmente ao Estado, são quase U$ 200 mil por ano. Com o projeto, que também vai ser assinado entre Sebrae Nacional, Sebrae/MS, Sebrae/Pará, Sebrae/Paraná, Sebrae/SP e Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) no dia 4 de abril em Okinawa (Japão), os brasileiros que voltarem do Japão terão mais informação e capacitação nesses quatro estados para desenvolver seus empreendimentos.



Ainda no Japão eles poderão conhecer as oportunidades oferecidas em cada estado através da internet. Pesquisa, realizada Associação Brasileira de Dekasseguis e Sebrae Nacional este ano, mostrou que 70% dos brasileiros que trabalham no Japão não pensou como vai investir o dinheiro quando voltar e que 48% tem interesse em abrir seu próprio negócio.



Com o Projeto Dekassegui eles vão receber orientação adequada antes e depois da viagem ao Japão. Atualmente o Sebrae/MS, possui registro de 150 dekasseguis que estão estudando futuros projetos de investimento sendo que pelo menos 10% já conseguiu concretizar o sonho de se tornar empresário.



Com orientação adequada, assegura o coordenador do projeto no Sebrae/MS, Maki Lanzarini, a expectativa é aumentar em 20% o número de empreendimentos por ano criados por dekasseguis em Mato Grosso do Sul até 2007. “O Sebrae/MS e os parceiros vão trabalhar também para elevar em 10% a taxa de sucesso desses empreendimentos. Com empresas bem estruturadas, há geração de renda, mais emprego e o Estado cresce”, revela.





Mais informações para a imprensa pelos telefones (67) 325-4113 ou (67) 325-4119

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)