Cassilândia, Sexta-feira, 24 de Novembro de 2017

Últimas Notícias

14/11/2017 19:21

Defesa diz desconhecer motivo de operação contra André Puccinelli

Campo Grande News

Renê Siufi, advogado do ex-governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), afirma que desconhe o motivo da investigação de hoje e se há mandado de prisão contra seu cliente.

Nesta terça-feira (14), PF (Polícia Federal), CGU (Controladoria-Geral da União) e Receita Federal cumprem mandados referentes à quinta fase da Operação Lama Asfáltica, batizada de Papiros de Lama.

Puccinelli foi levado para sede da Polícia Federal por volta das 8h15, depois de policiais terem vasculhado seu apartamento, localizado na rua Euclides Cunha.

"Eu não sei se tem prisão contra ele. Vou saber agora", disse brevemente Siufi à imprensa. Ainda de acordo com o advogado, os policiais não levaram nenhum documento da casa do ex-governador. "Não pegaram nada. Já vieram duas vezes aqui".

Renê afirmou que vai entrar com habeas corpus imediatamente, caso seja confirmada prisão do ex-chefe do Executivo Estadual. Conforme a defesa, foi com surpresa que André Puccinelli recebeu os policiais.

Uma coletiva às 10 horas na sede da PF deve explicar os detalhes da atual fase. Por enquanto, o que se sabe é que a apuração apontou R$ 235 milhões de prejuízo, entre desvios e pagamento de propina.

São cumpridos dois mandados de prisão, seis de condução coercitiva, 24 mandados de busca e apreensão, além do sequestro de valores nas contas bancárias de pessoas físicas e empresas investigadas.

Além de Puccinelli, o filho, André Puccinelli Junior, é alvo da investigação. Ele também foi levado para Polícia Federal.

A reportagem também apurou que há policiais na casa de João Amorim, empreiteiro já conhecido e alvo de outras investigações da Lama Asfáltica.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 23 de Novembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 22 de Novembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)