Cassilândia, Sábado, 26 de Maio de 2018

Últimas Notícias

22/06/2012 11:50

Defesa de Lugo questiona na Justiça constitucionalidade do pedido de impeachment

Luciana Lima, Agência Brasil

Brasília - Os advogados de defesa do presidente do Paraguai, Fernando Lugo, ofereceram hoje (22) à Secretaria Judicial nº 1 uma representação alegando inconstitucionalidade do pedido de impeachment contra ele aprovado ontem (21) pela Câmara dos Deputados. A informação é da agência de notícias paraguaia IP Paraguay.

Com essa ação, os advogados do presidente solicitaram a suspensão do julgamento político marcado para a tarde de hoje.

Por 73 votos a 1, os deputados paraguaios aprovaram o pedido ontem e hoje ele será analisado pelo Senado. Lugo é acusado de vínculos com movimentos sociais do país e de falta de ação, por exemplo, contra a invasão de terras.

De acordo com a agência, os dois juízes que teriam que analisar o caso estão viajando e, diante disso, o tribunal terá que reunir outros magistrados para julgar o pedido. A arguição de constitucionalidade é assinada pelos advogados, Adolfo Ferreiro e Emilio Camacho.

A partir do meio-dia, Lugo terá duas horas para apresentar sua defesa e, às 16h30 (hora local, 15h30 em Brasília), os senadores vão se pronunciar sobre o processo de impeachment do presidente. “Em duas horas ninguém pode defender qualquer um de qualquer coisa”, reclamou o advogado Adolfo Ferreiro. “Está se tirando do Paraguai a possibilidade de algum dia se tornar um país civilizado”, completou.

Após a apresentação dos argumentos da defesa, o Senado decidirá sobre o pedido de impeachment. Dos 45 senadores titulares, é preciso, pelo menos, 30 favoráveis à destituição do presidente da República, segundo informações divulgadas na página da Casa legislativa.

*Com informações da agência pública de notícias IP Paraguay

Edição: Talita Cavalcante

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Sexta, 25 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)