Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

22/06/2012 11:50

Defesa de Lugo questiona na Justiça constitucionalidade do pedido de impeachment

Luciana Lima, Agência Brasil

Brasília - Os advogados de defesa do presidente do Paraguai, Fernando Lugo, ofereceram hoje (22) à Secretaria Judicial nº 1 uma representação alegando inconstitucionalidade do pedido de impeachment contra ele aprovado ontem (21) pela Câmara dos Deputados. A informação é da agência de notícias paraguaia IP Paraguay.

Com essa ação, os advogados do presidente solicitaram a suspensão do julgamento político marcado para a tarde de hoje.

Por 73 votos a 1, os deputados paraguaios aprovaram o pedido ontem e hoje ele será analisado pelo Senado. Lugo é acusado de vínculos com movimentos sociais do país e de falta de ação, por exemplo, contra a invasão de terras.

De acordo com a agência, os dois juízes que teriam que analisar o caso estão viajando e, diante disso, o tribunal terá que reunir outros magistrados para julgar o pedido. A arguição de constitucionalidade é assinada pelos advogados, Adolfo Ferreiro e Emilio Camacho.

A partir do meio-dia, Lugo terá duas horas para apresentar sua defesa e, às 16h30 (hora local, 15h30 em Brasília), os senadores vão se pronunciar sobre o processo de impeachment do presidente. “Em duas horas ninguém pode defender qualquer um de qualquer coisa”, reclamou o advogado Adolfo Ferreiro. “Está se tirando do Paraguai a possibilidade de algum dia se tornar um país civilizado”, completou.

Após a apresentação dos argumentos da defesa, o Senado decidirá sobre o pedido de impeachment. Dos 45 senadores titulares, é preciso, pelo menos, 30 favoráveis à destituição do presidente da República, segundo informações divulgadas na página da Casa legislativa.

*Com informações da agência pública de notícias IP Paraguay

Edição: Talita Cavalcante

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)