Cassilândia, Quarta-feira, 24 de Maio de 2017

Últimas Notícias

30/01/2015 11:39

Defensoria eleva salário para R$ 30 mil e também cria auxílio moradia

Campo Grande News

A Defensoria Pública elevou o teto do salário para R$ 30.471,11 e criou auxílio moradia. O reajuste no subsídio é para 29 defensores públicos de segunda entrância, mas repercute nas demais categorias.

Já o auxílio moradia, no valor de 10% do salário, pode ser estendida aos 173 defensores públicos. Desta forma, o procurador da classe segunda instância pode receber R$ 3.047 do novo auxílio.

Conforme resolução publicada na edição de hoje do Diário Oficial do Estado, o benefício não será pago em quatro situações: quando houver residência oficial colocada à sua disposição, ainda que não a utilize; licenciado para tratamento de interesse particular; cessão a outro órgão com ônus para o cessionário; perceber, ou pessoa com quem resida, vantagem da mesma natureza de qualquer órgão da administração pública.

Em casos de cônjuges defensores públicos, lotados e residentes na mesma comarca, o benefício será pago ao mais antigo da carreira.

Ainda conforme a resolução, é dever do defensor público comunicar à fonte pagadora da ajuda de custo para moradia a existência de qualquer impedimento.

O pagamento do auxílio moradia foi definido no dia 28 de janeiro, após deliberação do Conselho Superior da Defensoria Pública. A regulamentação é para lei estadual publicada em 26 de dezembro de 2014. A legislação previa ajuda de custo de até 20% do subsídio.

Reajuste – O aumento do salário, no topo da carreira, de R$ 26.589,68 para R$ 30.417,11 é efeito do reajuste para os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), que passaram a receber salário de R$ 33.763 neste ano.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 23 de Maio de 2017
Segunda, 22 de Maio de 2017
21:25
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)