Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

27/09/2007 06:12

Decisões do STF podem mudar regras sobre greve

Douradosnews

Decisões do STF podem mudar regras sobre greve de servidores públicos

Da assessoria
Com freqüência, a população é surpreendida com greves nos serviços públicos e sempre há discussão sobre a legalidade dessas paralisações. Na opinião da advogada de Direito do Trabalho do escritório Correia da Silva Advogados, Daniela Santino, este final de ano pode ser um marco para o setor público brasileiro, especialmente para os servidores públicos civis.

O Supremo Tribunal Federal (STF) poderá, se mantida a postura que vem adotando com sua nova composição – a de revisão de suas antigas decisões –, conceder mandado de injunção, assegurando a tais servidores o exercício do direito de greve pela aplicação subsidiária da Lei de Greve nº. 7.783/89.

“Com a mudança de posicionamento, o STF poderá determinar, ao que tudo indica, a aplicação da Lei de Greve a todos os trabalhadores indistintamente, incluindo os servidores públicos. Entre as limitações legais previstas ao direito de greve estão a solução pacífica dos conflitos; indenização por danos morais à imagem e materiais; comunicação prévia da paralisação; e o atendimento às necessidades inadiáveis”, alerta a advogada.

O STF está julgando dois mandados de injunção, que é a ação cabível quando o direito está assegurado na Constituição “mas depende de regulamentação legal e, devido à mora do Congresso, o Judiciário supre a lacuna legislativa existente, determinando a aplicação subsidiária de uma lei já existente”, diz.

Em outros mandados de injunção, o posicionamento do Supremo foi de apenas alertar o Legislativo para a mora, permitindo, excepcionalmente, a aplicação, no que cabia, da Lei da Greve nº. 7.783/89 até que a situação fosse regulamentada por lei específica, o que até hoje não ocorreu.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)