Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/04/2008 17:45

Decisão permite cobrança de registro de financiamento

Marta Ferreira/Campo Grande News

Decisão desta tarde do desembargador Sérgio Martins derruba despacho anterior, do juiz Dorival Mora dos Santos, da Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, que mandou suspender os efeitos de portaria do Detran (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) determinando a cobrança sobre o registro de financiamento de veículos em cartório.

Na segunda-feira, o presidente do Tribunal de Justiça, João Carlos Brandes Garcia, tinha negado a mesma a solicitação ao Detran. Hoje, a decisão foi favorável à Anoreg (Associação Associação dos Notários e Registradores do Estado de MS).
A liminar contra a cobrança havia sido concedida pelo juiz da primeira instância em ação popular movida pelo deputado estadual Paulo Duarte (PT). No pedido, o parlamentar considerou que a cobrança do registro dos financiamentos de veículos éa inconstitucional, arguento aceito pelo magistrado, que concedeu a chamada tutela antecipada, instrumento jurídico usado para assegurar direitos imediatos que podem prejudicar a parte interessada. No caso, seria o repasse a consumidores da cobrança, a cargo das financeiras, conforme a portaria do Detran, que entrou em vigor neste mês.

Na decisão de hoje, o desembargador Sérgio Fernando Martins entendeu diferente. Ele aceitou o argumento dos advogados da Anoreg de que não há prejuízo imediato a ser sanado, sustando os efeitos da liminar da primeira instância até que haja o julgamento definitivo da ação.

O que está em questão – A cobrança foi instituída neste mês, com o argumento de de que ela permitir aos consumidores acessos aos documentos de financiamento. Um convênio entre Detran e Anoreg estabeleceu o recolhimento de valores entre R$ 49 e R$ 489 para contratos entre R$ 1 mil e R$ 40 mile. Dos valores, 30% devem ser repassados ao Detran, e o restante fica com a Anoreg.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)