Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/07/2005 15:30

Custo da pecuária tem alta de 1% em Mato Grosso do Sul

Aline Rocha / Campo Grande News

Os custos operacionais efetivos e totais da pecuária em Mato Grosso do Sul apresentaram aumento em maio. Diferente da maioria das unidades da federação, no Estado, o aumento do custo efetivo foi de 1%. Com isso, conforme informações da CNA (Confederação de Agricultura e Pecuária), a situação dos dois principais produtores, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, que respondem, juntos, por um terço do rebanho bovino, está entre as mais críticas. De janeiro a maio, cada um destes Estados soma aumento acima de 5% dos custos totais e recuo médio de 12% do preço da arroba.
A problemática é que a redução sucessiva de insumos acabará representando um retrocesso das práticas produtivas. O empresário rural reduz o consumo e, conseqüentemente, diminui a produtividade. No longo prazo, o setor regride e perde espaço no mercado.
Segundo a CNA, a reversão dos custos pode ser conseqüência da diminuição do consumo. A queda do poder de compra dos produtores os leva a postergar a aquisição de certos itens ou mesmo a reduzir o uso, pressionando pela diminuição dos preços. No Estado, a variação mensal dos custos ficou em 1,03% em maio e no acumulado do ano em 5,09%.
Os principais insumos que puxaram os custos nos dois Estados do Centro-Oeste foram a suplementação mineral e os insumos para construção/manutenção de cercas. Já no norte do Brasil, os principais aumentos vieram do diesel, de serviços terceirizados de desmatamento e de medicamentos em geral que, por questão de logística, podem sofrer reajustes até chegar na mão desses pecuaristas.
Depois da mão-de-obra, que teve seu preço reajustado já em abril em muitas propriedades rurais, o insumo que acumulou maior aumento nos primeiros cinco meses do ano foram os itens para manutenção e construção de cercas, que representam quase que 5% dos custos operacionais totais (COT) da atividade, conforme média nacional. A suplementação mineral, que responde por cerca de 15% do COT, acumulou valorização de 3,6%, incluído o aumento médio de 1,4% de abril para maio.
Neste ano, os adubos em geral, que representam quase 4% nos custos operacionais totais, foram os que apresentaram maior desvalorização, de 3,7%. Segundo a CNA, não deverá ocorrer nenhuma grande mudança das demandas interna e externa por carne bovina. A melhora da renda dos produtores teria que vir pela redução dos custos da atividade.
Ainda segundo a confederação, no mercado interno, há sinais de que a política monetária está conseguindo segurar a inflação, embora seja fruto da desaceleração do consumo. Os recuos dos preços do boi gordo negociados no mercado futuro (BM&F) confirmam esse pessimismo. Do final de maio para o encerramento de junho, por exemplo, o contrato de outubro recuou 5%. Em relação às exportações, a taxa de câmbio para setembro está em torno de R$ 2,46 por dólar, indicando que o mercado também não espera modificações do patamar médio obtido com essas vendas. Com informações da CNA.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)