Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/01/2010 12:43

CUIDADO: veja com o quê!

Bruna Girotto

Se eu tivesse escrito um título do tipo "A dengue aumenta no MS", dificilmente você clicaria para ler a matéria. É porque você está cansado de ouvir e ler sobre a dengue, né? Mas, será que você está tomando toda atenção necessária para evitar o acúmulo de água, contribuindo para a multiplicação do mosquisto Aedes aegypti?

Agora, tire dois minutos do seu tempo e dê uma volta pela sua residência ou por seu trabalho. Vamos, mexa-se: no quintal, olhe se não tem caixa d`água aberta, pratinho de vaso com água, um papel de bala jogado no chão que acumulou água. Sim, tudo isso pode ser um criadouro da dengue. Quando visitar um amigo, um parente, convide-o a passear pela casa e verificar se não há focos do mosquito.

Vamos deixar Cassilândia fora das estatísticas. O que acha? Quem teve dengue, sabe do que estou escrevendo: é febre alta, dor de cabeça, dor atrás dos olhos, manchas vermelhas no corpo e dor nos ossos e articulações. Ai ai ai, melhor não repetir a dose, não é?

Se, ao ler esta matéria, você estiver com esses sintomas, não tome medicamentos, porque pode piorar. Só o médico saberá qual o remédio irá ajudá-lo a passar pela doença. Se você já está com suspeita de dengue e começou a apresentar dores abdominais, vômitos e qualquer tipo de sangramento (principalmente no 3º ou 4º dia do início desses sintomas) deve retornar imediatamente à unidade de saúde porque esses são indícios da evolução da dengue para a forma grave.

Para pensar: a Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou que até o momento, oito municípios encontram-se em situação de risco, devido a incidência (por 100 mil/habitantes) de casos. São eles: Anastácio (1184,69), Aquidauana (715,67), Bodoquena (5354,16), Jardim (2780,08), Nioaque (1682,17), Pedro Gomes (4585,33), Porto Murtinho (2067,23) e Rio Brilhante (1282,92). Na capital, algumas áreas apresentam surtos da doença, mas a taxa de incidência está em 437,03.

O meu papel não é assustar, a doença por si só, assusta. Por isso, vamos lutar todos para combater a dengue. Não se canse, vamos lutar sempre contra a dengue!

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)