Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

30/08/2011 15:24

Cuiabá: Tiroteio deixa 4 mortos na segunda-feira sangrenta; segurança morre na madrugada

José Ribamar Trindade, 24horasnews

Foi um dos dias mais violentos deste ano de 2011. Cinco pessoas foram assassinadas em menos de 24 horas. Quatro delas a tiros durante um assalto em num dos locais mais movimentados da Capital. Um jovem foi morto a facadas em Várzea Grande.

Foi uma segunda-feira (29) trágica. Cinco pessoas foram assassinadas em menos de 24 horas. O segurança Waldenil Nogueira de matos, de 32 anos, baleado durante um assalto não resistiu aos graves ferimentos com o tiro na cabeça e foi a óbito. Um jovem, de 18 anos também morreu em Várzea Grande.

Wandenil chegou a ser dado como morto. No local onde foi baleado por volta das 16 horas desta segunda-feira, segundo a Polícia, ficaram pedaços de massa encefálica em decorrência do tiro na cabeça. O segurança foi transferido para Unidade de Tratamento Intensivo do Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC) e após ser operado, ele não resistiu e morreu por volta das 3 horas da madrugada desta terça-feira (30).

Além de Waldenil, morreram no local o companheiro dele de trabalho, Paulo Pérpetuo Correa, de 24 anos, também baleado durante o tiroteio.

Na refrega entre seguranças e bandidos, dois assaltantes também foram mortos a tiros. Segundo a Polícia Militar, os assaltantes Thiago Henrique da Silva, o “Tiaguinho”, 24 anos, morava no bairro Verdão e ainda não tinha passagens pela Polícia e Luiz Fernando Almeida da Silva, o “Fernandinho”, de 24 anos, que morava no Quilombo.
Os dois seguranças e os dois assaltantes foram baleados durante uma troca de tiros na Galeria Itália, localizada na Avenida Fernando Correa da Costa, com a Rua Brasília, em frente ao Shopping Três Américas.

Os seguranças estavam chegando em uma carro forte para abastecer os caixas eletrônicos de dois bancos na Galeria Itália, quando foram rendidos por quatro bandidos que chegaram armados. Os trabalhadores reagiram e começou uma troca de tiros.

Quando algumas guarnições da Polícia Militar chegaram ao local já encontraram uma cena de filme de terror. Três pessoas mortas e uma agonizando. Quem viu o bangue-bangue disse que esteve bem perto da morte.

Os tiros causaram muito corre-corre e muito pânico. Algumas pessoas correram até o risco de serem atropeladas por veículos, cujos motoristas, também assustados com tantos tiros, tentavam deixar o local mesmo com o semáforo da Avenida Fernando Correa fechado.

Tanto a Galeria Itália, como o shopping que fica ao lado são locais muito movimentados e no momento da confusão, pelo menos 300 pessoas estavam na galeria, andando pela Avenida Brasília ou dentro do shopping.

Algumas pessoas sofreram ferimentos leves durante o corre-corre, e pelo menos duas passaram mal e tiveram que receber os primeiros socorros. “Foi muita confusão. Eu nunca vi coisa igual. Parecia que nós estávamos no meio de uma guerra”, disse um bancário.

MAIS MORTE - Também morreu no final da noite desata segunda-feira (29), o jovem Alex Manoel da Silva Costa, de apenas 18 anos que estava internado desde o final de semana no Pronto-Socorro Municipal de Várzea Grande (PSM-VG).

Alex, segundo o Instituto Médico Legal (IML), morreu em consequência de algumas facadas. O corpo dele foi liberado pelo delegado Antonio Esperandio, da equipe de investigações da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)