Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

13/12/2006 09:21

Cuiabá: militantes dos Direitos Humanos serão premiados

assessoria

Militantes dos Direitos Humanos serão premiados nesta quinta, 14 de dezembro


As personalidades físicas e jurídicas que se destacaram na área de Direitos Humanos em Mato Grosso vão ser premiadas nesta quinta, 14 de dezembro, na Assembléia Legislativa de Mato Grosso, a partir das 19h30. É a primeira entrega do Prêmio Estadual de Direitos Humanos “Padre José Ten Cate”. A solenidade foi requerida pelos deputados Mauro Savi e Ságuas Moraes, sendo que o último é Vice-presidente da Comissão Permanente da Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa e autor do projeto de Lei que criou o prêmio.
A lista dos ganhadores inclui entidades, movimentos e militantes do Movimento Popular da Saúde, movimento indigenista, conselho de mulheres, movimento indígena e polícia militar.
Na categoria personalidades o prêmio será concedido in memoriam a Lourenço Fernandes de Almeida – ex-militante do Movimento Popular de Saúde e da Defesa do meio ambiente e lutador incansável pela organização popular. Lourenço morreu em julho deste ano.
Três personalidades ganharão menção honrosa pela luta em defesa dos direitos humanos: o pastor Teobaldo Witter, membro do Fórum Estadual de Direitos Humanos, presidente do Centro de Direitos Humanos Henrique Trindade e ouvidor do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso; a educadora Leiry Maria Rodrigues – que se dedica à defesa dos Direitos Humanos à Saúde, ativista do Movimento Nacional de AIDS, representante do Movimento das Cidadãs Posithivas no Estado de Mato Grosso e também representante do Centro Oeste na Comissão Nacional de DST/AIDS; a terceira personalidade a receber menção honrosa é Shelma Lombardi de Kato - Desembargadora do Tribunal de Justiça de Mato Grosso designada para instalar as Varas Especializadas no atendimento de situações de Violência Intrafamiliar e Doméstica, notável defensora dos Direitos Humanos, especialmente dos Direitos das Mulheres.

Na categoria Organizações Sociais o vencedor deste ano foi o Conselho Indigenista Missionário (CIMI/MT) - organização vinculada à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) que articula a defesa dos povos indígenas mato-grossenses. Os atuais coordenadores do CIMI no Estado são Mario Bordigon e Gilberto Vieira dos Santos.
Recebem menção honrosa na categoria organizações sociais o Conselho Estadual dos Direitos da Mulher (CEDM/MT), o Sindicato de Trabalhadores Rurais de Lucas do Rio Verde e a Ouvidoria da Polícia Militar de Mato Grosso.
O processo de afirmação do Povo Chiquitano ganhou o prêmio na categoria ações e experiências. Este Povo, composto por uma média de 250 integrantes, está trilhando um árduo processo de preservação de sua história, tradições e crenças. Uma das iniciativas envolve a formação de professores indígenas e a valorização da língua nativa.
Os Chiquitanos moram em regiões da Bolívia e áreas do território brasileiro situadas na fronteira entre a Bolívia e o Brasil, nos limites dos municípios de Cáceres, Porto Esperidião e Vila Bela, com destaque para as comunidades de Baía Bela, Corixa, Roça Velha e Morrinhos.
Quem foi Padre José Ten Cate - O homenageado Padre José Ten Cate foi homem simples e corajoso que abraçou a causa dos oprimidos (a) e se firmou como ícone na defesa do direito à vida com dignidade. Padre Jesuíta, foi militante defensor dos Direitos Humanos no Estado e ex-presidente do Centro de Direitos Humanos “Henrique Trindade”, primeiro Centro de Direitos Humanos de Mato Grosso.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)