Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

Últimas Notícias

02/09/2004 15:15

CTNBio pode decidir sobre liberação de trasngênicos

Nasi Brum/ABr

O Tribunal Regional Federal reconheceu a competência da Comissãso Técnica de Biossegurança (CTNBio) para decidir sobre a liberação de produtos transgênicos. A decisão foi publicada no Diário Oficial da Justiça. Com a medida, a CTNBIO poderá retomar imediatamente a avaliação de processos para a liberação comercial de produtos geneticamente modificados.

A Comissão estava impedida de analisar processos comerciais desde 1998, quando a comercialização de soja trangênica foi contestada na Justiça por organizações não-governamentais. O argumento era de que a CTNBio entraria em conflito de competência com o Ministério do Meio Ambiente. O TRF reconheceu a competência da comissão, que poderá, inclusive, dispensar relatório de impacto ambiental quando considerar necessário.

Independentemente da decisão, o TRF manteve a ação cautelar movida pelo Instituto de Defesa do Consumidor (IDEC), proibindo a comercialização da soja da multinacional Monsanto. A proibição será mantida até que o processo do caso da empresa seja julgado em definitivo.

O deputado Darcisio Perondi (PMDB-RS) comemorou a decisão, afirmando que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva poderá ficar mais à vontade para editar medida provisória liberando o plantio da próxima safra de soja transgênica.

A CTNBio é uma instância colegiada multidisciplinar, criada com a finalidade de prestar apoio técnico consultivo e de assessoramento ao Governo Federal. A comissão estabelece normas técnicas de segurança e emite pareceres sobre a proteção da saúde humana, dos organismos vivos e do meio ambiente, ao analisar todas as atividades com trangênicos e derivados. A CTNBio é ligada ao Ministério de Ciência e Tecnologia.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 21 de Maio de 2018
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Sábado, 19 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)