Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

26/05/2009 16:07

Cruz sugere audiência para discutir crise da UEMS

Adriana Orrico

Para discutir as dificuldades enfrentadas pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul e o risco de fechamento de 20 cursos, o deputado estadual Amarildo Cruz (PT) sugeriu a realização de uma audiência pública, proposta em conjunto entre as lideranças dos partidos na Assembleia Legislativa.



Na sessão desta terça-feira, dia 26, o deputado afirmou que a sociedade precisa ser informada sobre o que de fato está acontecendo na UEMS. “Se cursos serão fechados, se o problema é de repasse de verbas ou de gestão, nós precisamos de explicações. A audiência seria uma maneira de ouvir o governo, o reitor e os universitários”, explicou.



Amarildo Cruz falou sobre os problemas financeiros da instituição, bem como da redução de valores nos repasses feitos pelo governo do Estado, que hoje é de R$4,7 milhões por mês.



No orçamento estadual, a previsão de repasse para este ano é na ordem de R$ 65 milhões. No ano passado, após a alteração de uma lei estadual, a UEMS perdeu o direito de receber 3% da arrecadação estadual, o equivalente a R$ 125 milhões.



“Se o repasse é maior neste governo do que no anterior, conforme informa o governador, por que não houve crise na gestão passada?”, indagou o parlamentar, que falou sobre a implantação de novos cursos na administração petista.



Em matéria publicada hoje no Correio do Estado, o governador André Puccinelli (PMDB) afirmou que “lava as mãos” em relação à instituição e que o problema é de gestão. “Se existem problemas, nós precisamos discuti-los”, defendeu Amarildo Cruz.



Em aparte, o deputado estadual Diogo Tita (PMDB), que havia se manifestado sobre o tema na semana passada, informou sobre uma reunião entre os membros da Comissão de Educação da Casa e o reitor da UEMS, Gilberto Arruda, hoje, no escritório da instituição em Campo Grande.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)