Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

21/06/2015 07:52

Crescer, casar, separar... e agora? Jornalista lança livro sobre divórcio

Mato Grosso do Sul ocupa a terceira posição no ranking das maiores taxas gerais de divórcios do país

Midiamax

Intrigada com o alto número de divórcios registrados em Mato Grosso do Sul e, principalmente, confusa com seus sentimentos em relação à própria separação, a jornalista Luzia Gonçalves, 41 anos, decidiu reunir em um livro nove histórias sobre as dissoluções matrimoniais.

“Meu objetivo é falar sobre como é difícil se separar, os sentimentos e erros envolvidos nisso. Durante as entrevistas percebi que a minha experiência era muito parecida com a das outras pessoas”, conta Luzia.

Mato Grosso do Sul ocupa a terceira posição no ranking das maiores taxas gerais de divórcios do país, segundo pesquisa realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) no ano de 2013. Desde 2008 o Estado oscila entre a segunda e a quarta colocação nessa estatística.

O livro-reportagem foi concluído em 2012, mas sem auxilio ou financiamento a jornalista precisou juntar dinheiro para bancar a publicação. “Foi um trabalho muito importante para mim. Fiquei muito feliz em ver que as fontes aprovaram o meu olhar sobre a história delas”, diz a jornalista que como todos os outros temeu não captar o sentimento exato de suas fontes.

O livro relata as circunstâncias em que os casais se conheceram, como iniciaram os desentendimentos e como aconteceu o término definitivo. Justamente por isso, Luzia afirma não se tratar apenas de uma narrativa para pessoas que passam por um divórcio, mas para todos os casais.

“Vendo como as histórias dos outros se desenrolam é possível observar o erro do outro e os acertos também. Com isso conseguimos avaliar algumas coisas sobre o nosso próprio relacionamento”, conta.

Os nomes dos entrevistados foram preservados, mas entre elas está a sua. “Minha história pessoal é uma das nove relatadas no livro. Mas os nomes todos foram preservados”, conta. Terminei em 2012 e só agora está publicado.

Entre as principais dificuldades relatadas pelos seus entrevistados, a jornalista destaca a falta de comunicação e a infidelidade como grandes desencadeadores de divórcios.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)