Cassilândia, Quarta-feira, 03 de Junho de 2020

Últimas Notícias

06/04/2020 17:00

Covid-19: o que se sabe do aplicativo da Caixa para receber os R$ 600 de ajuda

Aplicativo será divulgado nesta segunda e estará disponível para ser baixado na terça-fera

Midiamax
Covid-19: o que se sabe do aplicativo da Caixa para receber os R$ 600 de ajuda

A Caixa Econômica Federal deve apresentar nesta segunda-feira (6) o calendário de pagamento e o aplicativo que vai cadastrar os trabalhadores informais que têm direito ao auxílio emergencial. Apelidado de ‘coronavoucher’, o auxílio vai garantir uma renda básica de R$ 600 ou de R$ 1,2 mil no caso de mães solteiras.

A previsão é que na terça-feira (7), os trabalhadores informais já terão o aplicativo à disposição para ser baixado. O próprio aplicativo poderá avaliar se o trabalhador cumpre com os requisitos exigidos para o recebimento da renda básica, segundo a Caixa. O Governo Federal estima que até 20 milhões de pessoas terão de fazer esse cadastro para receber o benefício.

O pagamento do benefício deve ser feito a partir do dia 16 de abril e será escalonado, para evitar que muitas pessoas compareçam aos bancos e lotéricas, formando aglomerações. Os critérios da ordem de pagamento e sobre quais trabalhadores serão priorizados ainda não foram divulgados.

Os beneficiários do Programa Bolsa Família não precisarão baixar o aplicativo. Segundo ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, eles já estão inscritos na base de dados e poderão, entre os dias 16 e 30, escolher se receberão o Bolsa Família ou a renda básica emergencial, optando pelo valor mais vantajoso.

Quem pode e quem não pode receber o benefício?
O auxílio emergencial será pago a quem tem mais de 18 anos, não tem emprego formal ativo e não recebe aposentadoria, BPC (Benefício de Prestação Continuada) ou Seguro Desemprego.

Isso quer dizer que quem estiver usufruindo do Seguro Desemprego ou já receber o BPC está fora do auxílio emergencial. Contudo, a lei destaca que o BPC ou benefício previdenciário de até um salário mínimo para idoso com mais de 65 anos ou pessoa com deficiência não será computado para o pagamento do BPC a outra pessoa da mesma família durante a pandemia.

Também estão incluídos o auxílio pessoas com renda mensal familiar de até três salários mínimos (R$ 3.135) ou na qual a renda per capita (por integrante) é de até meio salário mínimo (R$ 522,50).

Até duas pessoas por família podem receber o auxílio, mas mães solteiras que são as chefes de família recebem em dobro. Quem recebeu até R$ 28.559,70 em todo o ano de 2018 terá direito a receber o auxílio, que é limitado a duas pessoas por família, desde que ambas atendam aos pré-requisitos.

Como será feito o pagamento?
O Governo Federal pretende fazer o pagamento por meio de bancos públicos, como a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil, ou por ordem de pagamento para saque em casas lotéricas e, futuramente, caixas eletrônicos.

A lei federal prevê, ainda, que os bancos públicos abram poupanças sociais digitais para os beneficiários do auxílio, sem apresentação de documento ou cartão, isenta de taxa de manutenção e com direito a uma transferência gratuita para outro banco.

Atenção: o Cartão Cidadão da Caixa Econômica Federal não é uma garantia de que você já receberá o benefício. Ele poderá ser uma alternativa usada para a liberação dos recursos, mas exigirá a tomada de procedimentos anteriores – como o cadastro no aplicativo.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 03 de Junho de 2020
Terça, 02 de Junho de 2020
13:10
A reprodução do crime
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)