Cassilândia, Sexta-feira, 25 de Maio de 2018

Últimas Notícias

15/05/2004 10:24

Correção da tabela do IR custaria R$ 9 bi ao governo

Dourados News

A Receita Federal acredita que o impacto da correção da tabela do Imposto de Renda Pessoa Física sobre os cofres do governo será bem maior do que dizem as centrais sindicais que defendem a medida.

Segundo o coordenador-geral de Política Tributária da Receita, Márcio Verdi, a correção da tabela em 55,3% --índice que corresponde às perdas acumuladas desde 1996 e que tem sido defendido pelas principais centrais sindicais brasileiras-- geraria uma perda de arrecadação de mais de R$ 9 bilhões.

Já pelos cálculos do Dieese que têm sido apresentados pelas centrais, o custo para o governo seria menor, de R$ 6,5 bilhões.

As centrais também afirmam que a correção apenas das perdas no governo Lula, de 11,32%, custaria R$ 1,7 bilhão aos cofres públicos. A Receita não quis revelar sua projeção para uma correção com esse índice.

Hoje estão isentos do IR os trabalhadores que recebem até R$ 1.058 por mês, pagam 15% aqueles que ganham entre R$ 1.058,01 e R$ 2.115 e têm descontado do salário os que recebem acima desse último valor.

A correção desses valores evitaria que trabalhadores isentos passem a pagar imposto recebendo um aumento salarial correspondente à inflação ou então que empregados hoje tributados comecem a pagar uma alíquota maior. Porém, o governo perde com a correção uma importante fonte de aumento de arrecadação.

Por isso, o ministro Antonio Palocci (Fazenda) já avisou aos sindicalistas que a tabela só será corrigida caso seja acompanhada também pela criação de novas alíquotas do IR, que variariam de 5% a 30%.

Com isso, o governo aumentaria o número de pessoas contribuindo e também a alíquota para a parcela da população com renda maior.




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 25 de Maio de 2018
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 23 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)