Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

09/05/2006 15:25

Continuam bloqueios de produtores nas rodovias estaduais

Humberto Marques / Campo Grande News

Prosseguem os bloqueios nas agências fazendárias e em seis rodovias estaduais de Mato Grosso do Sul, promovidos pelos agricultores que compõem o movimento “Alerta do Campo” e que se espalharam por 60 municípios do Estado. Na noite de ontem, o juiz Ricardo Galbiatti, da 2ª Vara de Fazenda Pública da Capital, concedeu liminar favorável ao governo do Estado, obrigando a liberação das cerca de 30 Agenfas e das estradas. Porém, a PMR (Polícia Militar Rodoviária) informou que, até o momento, não foi notificada sobre a sentença.

Desde os dia 26 de abril, são realizados protestos dos produtores rurais, que também fecharam os acessos a armazéns de grãos do Estado em diversos municípios. Até o momento, permanecem bloqueadas as rodovias MS-156 (Dourados/Itaporã), MS-376 (acesso a Fátima do Sul), MS-306 (Costa Rica/Chapadão do Sul), MS-384 (Antônio João) e a MS-060 (Sidrolândia/Nioaque).

Em Sidrolândia, a informação de que o Sindicato Rural deixaria de participar dos bloqueios na rodovia foi contestada pelo presidente da entidade. Paulino Straliotto, que está na manifestação da MS-060, disse que o sindicato continua nos protestos, cedendo “apoio total ao movimento dos produtores rurais”.

Ele disse ter se inteirado da liminar através de comentários, e relatou que, em caso de notificação judicial, caberá ao comando do movimento decidir o que fazer. “O comando não é do sindicato. Os produtores é quem decidirão, mas como essa determinação vem da Justiça, terão de ceder ou negociar”, opinou Straliotto.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)