Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

16/09/2011 15:46

Conselhos de Medicina pedem regulamentação da EC 29

Assessoria

Os Conselhos de Medicina de todo o país ressaltaram nesta sexta-feira (16), por meio de nota, seu apoio à aprovação do projeto que regulamenta a Emenda Constitucional 29, previsto para entrar em votação ainda em setembro, depois de quase uma década de tramitação no Congresso Nacional. No entanto, as entidades médicas chamam a atenção para que a medida seja acompanhada de ações que reforcem os mecanismos de controle e de fiscalização, para evitar desperdícios e assegurar o uso dos recursos em projetos que contribuam para a melhora da assistência. A solicitação de mais investimentos na Saúde é uma bandeira histórica dos Conselhos de Medicina. Neste momento, para as entidades, a aprovação da regra “será fundamental para dar prioridade à saúde no país, assegurando a extensão das anunciadas conquistas na área econômica ao terreno das políticas sociais, dentre as quais o SUS ocupa espaço de destaque”.

Confira a íntegra da nota abaixo



NOTA EM DEFESA DA REGULAMENTAÇÃO DA EC 29

Brasília, 15 de setembro de 2011



Os médicos brasileiros, preocupados com o futuro da assistência oferecida à população por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), vêm a público – por meio do Conselho Federal de Medicina (CFM) e dos 27 Conselhos Regionais de Medicina (CRMs) – reforçar seu apoio à votação imediata do projeto de regulamentação da Emenda Constitucional 29, atualmente em tramitação no Congresso Nacional. O aporte de recursos garantidos pela implementação dessa medida será fundamental para dar prioridade à saúde no país, assegurando a extensão das anunciadas conquistas na área econômica ao terreno das políticas sociais, dentre as quais o SUS ocupa espaço de destaque. No entanto, os médicos defendem que o contingenciamento dos orçamentos públicos para investir em saúde – o que está previsto no texto em discussão - seja acompanhado de medidas que garantam o controle efetivo dos gastos, o que pode evitar desperdícios e desvios e assegurar novos avanços para a assistência na rede pública. Neste sentido, esperamos que a aprovação da regulamentação da EC 29 permita, entre outros pontos, a criação de uma carreira de Estado no SUS para médicos, enfermeiros e cirurgiões-dentistas, o que pode, efetivamente, contribuir para a fixação dos profissionais em áreas de difícil provimento.



Conselho Federal de Medicina (CFM)

Conselhos Regionais de Medicina (CRMs)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)