Cassilândia, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018

Últimas Notícias

05/11/2015 18:02

Conselho leiloa carros e motos do tráfico com lance a partir de R$ 200

Ricardo Campos Jr., Campo Grande News
Leilão também tem motos (Foto: Marcos Ermínio)Leilão também tem motos (Foto: Marcos Ermínio)

O Conselho Estadual Antidrogas está leiloando veículos apreendidos com traficantes em Mato Grosso do Sul. A lista com os 54 bens disponíveis para compra foi publicada na edição de quarta-feira (5) do Diário Oficial, contendo em sua maioria carros populares e motos cujos lances mínimos variam de R$ 200 a R$ 2,5 mil. Alguns dos itens são considerados sucatas e não podem circular.

Conforme o edital, os interessados poderão dar uma olhada nos lotes nos dias 16 e 17. Eles estão na empresa responsável pelo pregão, localizada na Avenida Tamandaré, 1.066, Vila Planalto.

O promotor de Justiça Sérgio Harfouche, presidente do conselho, afirma que a entidade já realizou diversos leilões ao longo de 2015, tendo angariado mais de R$ 10 milhões para serem utilizados em ações de prevenção e combate à venda de entorpecentes.

“Nós já batemos a meta de R$ 6 milhões no ano. Para esse, o objetivo é vender todos os bens, o que já tem sido feito em todos os leilões”, afirma.

Segundo ele, Mato Grosso do Sul tornou-se exemplo pela eficiência em transformar os bens apreendidos em dinheiro. “Se juntar o que São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Brasília conseguem com leilões, não chega ao que se arrecada aqui”.

Desde que os bens do tráfico começaram a ser revertidos em fundos por meio de leilões, Mato Grosso do Sul foi o único estado a conseguir realizar um pregão por mês, conforme o promotor.

“O segredo é que o conselho administra o evento com uma equipe preparada para isso e dedicação. Ninguém ganha nada com isso, não tem remuneração. Fazemos isso por um ideal, por se tratar de patrimônio e não termos recursos”, explica.

Harfouche acrescenta ainda que os automóveis não pertencem ao estado, mas sim á Senad (Secretaria Nacional Antidrogas), que autoriza os estados a venderem os itens. Toda a verba é encaminhada a Brasília e 20% retorna aos cofres locais.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 23 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)