Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

05/11/2015 18:02

Conselho leiloa carros e motos do tráfico com lance a partir de R$ 200

Ricardo Campos Jr., Campo Grande News
Leilão também tem motos (Foto: Marcos Ermínio)Leilão também tem motos (Foto: Marcos Ermínio)

O Conselho Estadual Antidrogas está leiloando veículos apreendidos com traficantes em Mato Grosso do Sul. A lista com os 54 bens disponíveis para compra foi publicada na edição de quarta-feira (5) do Diário Oficial, contendo em sua maioria carros populares e motos cujos lances mínimos variam de R$ 200 a R$ 2,5 mil. Alguns dos itens são considerados sucatas e não podem circular.

Conforme o edital, os interessados poderão dar uma olhada nos lotes nos dias 16 e 17. Eles estão na empresa responsável pelo pregão, localizada na Avenida Tamandaré, 1.066, Vila Planalto.

O promotor de Justiça Sérgio Harfouche, presidente do conselho, afirma que a entidade já realizou diversos leilões ao longo de 2015, tendo angariado mais de R$ 10 milhões para serem utilizados em ações de prevenção e combate à venda de entorpecentes.

“Nós já batemos a meta de R$ 6 milhões no ano. Para esse, o objetivo é vender todos os bens, o que já tem sido feito em todos os leilões”, afirma.

Segundo ele, Mato Grosso do Sul tornou-se exemplo pela eficiência em transformar os bens apreendidos em dinheiro. “Se juntar o que São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Brasília conseguem com leilões, não chega ao que se arrecada aqui”.

Desde que os bens do tráfico começaram a ser revertidos em fundos por meio de leilões, Mato Grosso do Sul foi o único estado a conseguir realizar um pregão por mês, conforme o promotor.

“O segredo é que o conselho administra o evento com uma equipe preparada para isso e dedicação. Ninguém ganha nada com isso, não tem remuneração. Fazemos isso por um ideal, por se tratar de patrimônio e não termos recursos”, explica.

Harfouche acrescenta ainda que os automóveis não pertencem ao estado, mas sim á Senad (Secretaria Nacional Antidrogas), que autoriza os estados a venderem os itens. Toda a verba é encaminhada a Brasília e 20% retorna aos cofres locais.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)