Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

18/06/2007 22:18

Conselho identifica 1.039 salários no MP acima do teto

Luana Lourenço/ABr

Brasília - O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) divulgou hoje (18) durante a sessão deliberativa um levantamento que revela que 1.039 servidores e membros do Ministério Público (MP) em todo o país recebem salários acima do teto constitucional de R$ 22,1 mil.

O estudo, solicitado por um dos conselheiros, analisou 47.570 contracheques e localizou salários acima do teto em 20 dos 26 Ministérios Públicos estaduais e no Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT). O gasto excedente com o pagamento de supersalários em todas as unidades do MP chegou a cerca de R$ 4 milhões entre os meses de outubro e dezembro de 2006.

O Ministério Público do Rio do Janeiro é o primeiro da lista do levantamento, com 275 membros e servidores com salários acima do teto constitucional. São Paulo tem 251 casos e em seguida aparece o Rio Grande do Sul, com 90 casos. No Mato Grosso do Sul foram identificados 53 membros ou servidores com salários maiores que o teto, e no Rio Grande do Norte, 50.

O conselheiro Francisco Maurício Rabelo pediu o corte imediato dos contracheques com valores acima do teto. A decisão estava prevista para a sessão de hoje, mas foi adiada por causa do pedido de vista de um dos conselheiros. De acordo com a assessoria do CNMP, o conselho deve votar o corte até a próxima quarta-feira (20).


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)