Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

09/01/2006 13:17

Conselho de Ética ouve testemunha de defesa

Luciana Vasconcelos/ABr

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara volta aos trabalhos a partir de hoje (9). O presidente do conselho, deputado Ricardo Izar (PTB-SP), disse que vai se encontrar à tarde com o relator da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito dos Correios, deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR), e com os relatores dos 11 processos disciplinares que serão apreciados. Ele afirmou que não sabe da existência de um "acórdão" para evitar futuras cassações no plenário da Câmara. "Não estou vendo. Se houver, vamos denunciar".

Ainda esta tarde, os parlamentares do conselho vão ouvir o advogado Paulo Goyaz, testemunha de defesa no processo contra o deputado Pedro Corrêa (PP-PE). Em depoimento ao Conselho de Ética, Corrêa admitiu saques no valor de R$ 600 mil, feitos pelo chefe de gabinete da liderança do PP, João Cláudio Genu, na agência do Banco Rural em Brasília, além do recebimento de R$ 100 mil, em espécie, pagos pela diretora-financeira da SMPB, Simone Vasconcelos. Segundo ele, qualquer outro saque feito por Genu não teve autorização ou conhecimento do partido. Corrêa disse que o dinheiro foi utilizado para pagar parte dos honorários do advogado Paulo Goyaz, que defende o deputado Ronivon Santiago (PP-AC) em 36 processos judiciais no Acre, movidos pelo PT.

Amanhã (10), o conselho deve ouvir o ex-ministro Nilmário Miranda e o bispo Lélis Lara, testemunhas do processo contra o deputado João Magno (PT-MG). Em depoimento no conselho, Magno admitiu que recebeu R$ 426 mil do PT por meio das agências de publicidade de Marcos Valério. A quantia, segundo o parlamentar, foi usada para pagar despesas de campanha, mas não foi declarada à Justiça Eleitoral no prazo estipulado. Na quarta-feira (11), será ouvido o deputado Mário Negromonte (PP-BA), testemunha do processo contra Corrêa.

Izar espera concluir todos os processos até o final de março, sem contar o tempo de julgamento de recursos.

Com informações da Agência Câmara.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)