Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

11/09/2006 21:55

Conselho de Ética já notificou 51 deputados

Iolando Lourenço/ABr

O Conselho de Ética da Câmara já notificou 51 dos 67 deputados acusados de envolvimento com a compra superfaturada de ambulâncias com recursos do Orçamento. Os outros 16 deverão ser notificados através de edital do conselho, a ser publicado quarta ou quinta-feira (13 ou 14) no Diário da Câmara.

Os editais já estão prontos e devem ser encaminhados amanhã (12) pelo Conselho de Ética ao presidente da Câmara, Aldo Rebelo (PCdoB-SP), que os enviará para publicação.

Sete deputados receberam hoje (11), pessoalmente, ou por intermédio de funcionários de seus gabinetes, as notificações. Dos 16 restantes, os que quiserem ainda receber a notificação sem ter seus nomes publicados no Diário da Câmara podem procurar o Conselho de Ética para assinar a notificação até o envio dos editais para a publicação. Depois de notificados, os parlamentares têm até cinco sessões da Câmara para apresentar a defesa por escrito e indicar até cinco testemunhas.

Entre os deputados que respondem a processos de cassação no Conselho de Ética por quebra de decoro parlamentar, 20 foram notificados até o dia 30 de agosto - neste caso, já transcorreram duas das cinco sessões a que têm direito para apresentar defesa. Nove outros, que foram notificados do dia 30 de agosto até 5 de setembro, têm ainda quatro sessões para apresentar a defesa escrita. Para os notificados depois do dia 5 de setembro, o prazo de defesa começa a contar após as eleições do dia 1º de outubro, já que a Câmara está em recesso branco até as eleições.

A expectativa da secretaria do Conselho de Ética é que, na primeira semana de outubro, alguns deputados investigados apresentem a defesa e indiquem as testemunhas para serem ouvidas pelos conselheiros. Após essa etapa, os investigados serão chamados para, pessoalmente, prestar depoimento no conselho.


Concluída a fase de instrução (investigação, defesa, depoimentos) o relator de cada processo apresentará seu parecer ao conselho, para discussão e votação. Depois da votação, por voto aberto, o parecer é encaminhado à deliberação do plenário da Câmara.


Para o deputado ser cassado e se tornar inelegível pelos próximos oito anos, são necessários no mínimo 257 votos favoráveis.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)