Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

15/07/2009 13:48

Conselho de Ética da Câmara absolve Edmar Moreira

Priscilla Mazenotti , Agência Brasil

Brasília - O Conselho de Ética da Câmara concluiu hoje (15) a votação do processo contra o deputado Edmar Moreira. Com nove votos favoráveis, Moreira foi absolvido da acusação de quebra de decoro parlamentar por ter pago contas de sua empresa de segurança com dinheiro da verba indenizatória que recebia da Câmara.

Esse foi o terceiro relatório sobre o caso a ser votado no Conselho de Ética. Os dois primeiros foram rejeitados. Um recomendava a perda de mandato. O outro sugeria suspensão do parlamentar. Venceu o relatório elaborado pelo deputado Sérgio Brito (PDB-BA), que absolve Moreira por falta de justa causa.

“Não é a minha opinião nem a minha decisão”, lamentou o presidente do Conselho de Ética, José Carlos Araújo (PR-BA). “Achava melhor ir para o plenário.”

Para que o assunto seja analisado em plenário, é preciso que 51 deputados (um décimo do total) assinem o recurso. Como presidente do Conselho de Ética, Araújo não pode recorrer, mas disse que será um dos signatários do recurso, caso outro deputado resolva apresentá-lo. “Se só tiver 50 assinaturas, a 51ª será a minha. Se não tiver recurso, o caso está encerrado”.

O deputado Nazareno Fonteles (PT-PI), autor do primeiro relatório contra Moreira, que pedia a cassação dele e que foi rejeitado, afirmou que também não vai recorrer. “Não vou alimentar um sonho que não é real para mim.”

Os deputados têm prazo de cinco sessões plenárias para recorrer. Caso isso não ocorra, o processo será arquivado definitivamente.

Edição: João Carlos Rodrigues

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)