Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

08/03/2006 16:31

Congresso oficializa fim da verticalização

Luciana Vasconcelos/ABr

O Congresso Nacional promulgou a Proposta de Emenda à Constituição que libera os partidos da obrigação de seguirem no plano estadual as alianças políticas feitas para sucessão presidencial, ou seja, põe fim à regra conhecida como verticalização.

A dúvida agora é se a regra valerá para as eleições desse ano, pois uma lei eleitoral estabelece que mudanças nas leis eleitorais só podem ser realizadas até um ano antes das eleições. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) definiu na semana passada que a verticalização não valeria para o pleito deste ano. O julgamento agora ficará a cargo do Supremo Tribunal Federal (STF). "Promulgamos e a bola agora está com o Supremo, que vai decidir sobre a constitucionalidade da emenda que aprovamos", disse o presidente do Congresso, senador Renan Calheiros (PMDB-AL).

Renan disse trabalhar para amenizar qualquer tensão entre Legislativo e Judiciário e que não será declarada guerra entre os poderes. "Eu estou convencido da gravidade das tensões. Tenho trabalhado para amenizá-las. Elas são naturais na democracia, sempre existiram, sempre existirão. Fundamental é que tenhamos relação harmônica entre os poderes", afirmou. "Não vamos declarar guerra, não vamos transformar 2006 em um ano vermelho. Não vamos transformar a relação entre Legislativo e Judiciário em um duelo a luz do dia. Isso tudo é normal, é da democracia", ressaltou.

O presidente da Câmara, Aldo Rebelo (PCdoB-A) defendeu o fim da verticalização. Para contestar a obrigatoriedade de coligações partidárias, disse que o eleitor não adota o mesmo critério para escolher o presidente da República e o governador de seu estado. "Os partidos, naturalmente, interpretam que na escolha do Presidente da Republica eles podem ter uma determinada articulação, uma determinada unidade partidária e na escolha dos governadores que são vinculados aos desafios e as condições das regiões podem organizar outras alianças", avaliou.

O deputado Ricardo Barros (PP) organizou um movimento contrário à verticalização e expôs faixas contrárias a regra. Para ele, aprovar agora a emenda é um "casuísmo" e que deveria ter sido votada ano passado.

O líder do PSB, deputado Renato Casgrande (ES) tem opinião contrária. Para ele, a verticalização que existe hoje não é "para valer". "Quem fica sozinho, sem coligar nacionalmente pode coligar com quem quiser em cada estado", observou. Ele informou que o partido pretende entrar com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) do STF questionando o Tribunal Superior Eleitoral. Além disso, o partido também vai fazer nova consulta ao TSE. "Temos instrumentos técnicos para que o TSE possa rever posição que consideramos politicamente equivocada".

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)