Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/03/2009 10:06

Conferência dos Direitos do Idoso vai lançar Pacto

Mariana Jungmann , ABr

Brasília - Um Pacto Nacional pelo Envelhecimento Ativo e Saudável, que terá a participação de nove ministérios, será lançado hoje (19) durante a 2ª Conferência Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa, que está sendo realizada em Brasília.

O pacto, anunciado ontem (18) na abertura da conferência pelo ministro da Secretaria Especial de Direitos Humanos (SEDH), Paulo Vannuchi, vai articular ações de pastas como a da Cultura, Previdência e Saúde, por exemplo, para promoção dos direitos e do bem-estar dos idosos.

De acordo com o subsecretário de Promoção dos Direitos Humanos, Perly Cipriano, entre as ações previstas no pacto está o empenho do Brasil em sediar a Conferência Mundial dos Direitos da Pessoa Idosa. Além disso, a coordenação de políticas do setor foi transferida nessa quarta-feira, por meio da assinatura de um decreto, para a SEDH. “Essas são demandas antigas que serão executadas com o pacto”, explicou Cipriano. Segundo ele, “a conferência vai apontar avanços e desafios, e o pacto dará os próximos passos”.

Durante a abertura da conferência – que teve muitas reclamações dos presentes em função da ausência do presidente Luiz Inácio Lula da Silva – também estiveram presentes os ministros da Saúde, José Gomes Temporão, e da Previdência Social, José Pimentel.

Temporão defendeu a regulamentação da Emenda 29, que prevê que a União deve investir 10% da arrecadação de impostos na saúde. Segundo a lei que cria a emenda, os estados e municípios têm que investir 20% e 15%, respectivamente. Atualmente existem dois projetos de lei, na Câmara e no Senado, para regulamentar a emenda. “Ela é um fator fundamental para dar base financeira para garantir nossos direitos”, alegou Temporão à platéia de delegados que assistiu à abertura da conferência.

Já o ministro José Pimentel lembrou que “o processo de expansão da rede de previdência foi feito a partir de reivindicações da luta social e das conferências”. Segundo ele, em 1988, quando a nova Constituição foi criada, cerca de 4 milhões de pessoas eram assistidas pela Previdência Social. Atualmente são mais de 26 milhões de benefícios para aposentados e pensionistas.

Paulo Vannuchi, que fez o discurso final da abertura do evento, lembrou a responsabilidade que o setor privado tem de valorizar o trabalho e a experiência dos funcionários com mais de 60 anos. Segundo ele, muitas empresas preferem trocar seus diretores quando eles ultrapassam os 45 anos e essa é uma atitude condenável. “Nós lembramos nesta conferência as grandes empresas que ainda têm na presidência de seus conselhos de administração pessoas com mais de 80 anos, que são a âncora da memória e da sabedoria”, disse Vannuchi.

O ministro ressaltou que “a luta de defesa dos direitos do idoso é a mesma dos direitos da criança, da igualdade entre homens e mulheres e dos direitos humanos em geral”.

A conferência vai até amanhã (20), com plenária entre os delegados eleitos em prévias nos estados e municípios para definir as políticas a serem propostas para o Pacto Nacional pelo Envelhecimento Ativo e Saudável e para o plano de ação da secretaria sobre o assunto.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)