Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

09/11/2009 08:47

Condição da pecuária em MS agrada chilenos

Fernanda Mathias, Campo Grande News

Os técnicos chilenos que visitaram propriedades rurais em Mato Grosso do Sul e Tocantins consideraram satisfatórias as condições sanitárias para o reconhecimento do status sanitário de livre de febre aftosa com vacinação, segundo informações do Ministério da Agricultura.

Porém, isso só se confirmará após publicação do relatório no Diário Oficial da União chileno. Uma vez que a publicação for feita os estados retomam as exportações para o Chile, explica o chefe da delegação chilena, do Serviço Agrícola e Pecuário, José Herrera, que, após 12 dias de missão no Brasil, esteve na sexta-feira com o secretário de Defesa Agropecuária, Inácio Kroetz, no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, em Brasília.

Segundo Kroetz, no período de 16 a 24 de novembro outra missão chilena virá ao Brasil. “Na ocasião, serão inspecionados os estabelecimentos de abate e de processamento de carne bovina, com objetivo de habilitar frigoríficos desses estados, principalmente, para exportar carne para o Chile ”, explicou.

Hoje, nove estados estão autorizados Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Mato Grosso, Rondônia, Goiás, Minas Gerais e Rio de Janeiro. O Chile é um País visado, pelos preços que paga pela carne. As importações de carne sul-mato-grossense foram suspensas em 2005, ocasião em que ocorreram os últimos focos de febre aftosa no Estado.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)