Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

19/11/2004 13:22

Comissão vai propor ações para retorno de crianças

Keite Camacho / ABr

O retorno de crianças abandonadas ao ambiente familiar é o objetivo do governo federal em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). Uma pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (IPEA), junto com a Secretaria Especial de Direitos Humanos, apontou que 20 mil crianças vivem em abrigos federais. Segundo o ministro Nilmário Miranda, a situação é gravíssima.

Nilmário participou da cerimônia de instalação da Comissão Intersetorial de Promoção, Defesa e Garantia do Direito de Crianças e Adolescentes à Convivência Familiar e Comunitária, na sede do Unicef, em Brasília. O ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Patrus Ananias, também presente, disse que há o reconhecimento, por parte do governo federal, de buscar a valorização da família. O Programa Bolsa Família será, segundo ele, uma fonte de recursos para as iniciativas.

A comissão tem 120 dias para apresentar a proposta de um plano de ação que garanta este retorno da criança à base familiar. A comissão foi criada por decreto pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em outubro deste ano. Ela conta com a coordenação dos dois ministérios e apoio técnico do Unicef.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)