Cassilândia, Terça-feira, 25 de Junho de 2019

Últimas Notícias

13/06/2019 06:20

Comissão do Senado vota pela derrubada do decreto de armas de fogo

Campo Grande News

Os integrantes da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado votaram nesta quarta-feira (12) pela suspensão dos decretos editados pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) que facilitaram o acesso a armas. Por 15 votos a 9, os senadores rejeitaram o relatório do senador Marcos do Val (Cidadania-ES) que previa a manutenção dos decretos do governo federal. A decisão precisa agora ser analisada em plenário.

Os decretos geraram vários questionamentos no Congresso e na Justiça, pois flexibilizam direito ao porte (autorização para estar armado fora de casa) e a posse (para manter a arma dentro de casa). Dentre os pontos polêmicos está a liberação, sem a necessidade de autorização dos pais, para que crianças e adolescentes pratiquem tiro e do porte para algumas profissões, como políticos e jornalistas.

O presidente chegou a rever alguns pontos dos decretos e vetou, por exemplo, o acesso a fuzis.

A senadora Simone Tebet (MDB-MS), presidente da CCJ, colocou em votação também o pedido de urgência para apreciação em Plenário ainda nesta quarta-feira, porém, não houve acordo. Com isso, esta análise ficou para terça-feira (18).

Após a tramitação no Senado, a matéria seguirá para a Câmara dos Deputados.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 25 de Junho de 2019
09:00
Santo do Dia
Segunda, 24 de Junho de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)