Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/05/2004 15:28

Comissão define indenização para perda de bagagem

Agência Câmara

A Comissão de Viação e Transportes aprovou projeto (PL 4029/93) que modifica os limites de indenizações das vítimas de acidentes aéreos ou que tiverem suas bagagens extraviadas. A lei atual fixa o valor das indenizações em OTN, que foi extinta em 1989.
A proposta regula a conversão, para a moeda nacional, do franco-poicaré (moeda prevista na Convenção de Varsóvia como referência para casos de indenizações relativas à responsabilidade civil do transportador aéreo internacional) e foi aprovada nos termos do substitutivo do relator, deputado Neuton Lima (PTB-SP).

Indenizações
O substitutivo limita a indenização a R$ 410 mil por passageiro em caso de morte ou lesão. No caso de perda ou avaria de carga, ocorrida durante a execução do contrato de transporte aéreo, o projeto prevê que a responsabilidade do transportador limita-se a R$ 70 por quilo — a não ser que o expedidor tenha feito uma declaração especial de valor, mediante o pagamento de taxa suplementar.
O texto aprovado determina ainda que o transportador deverá adiantar à vítima, em até sete dias, 5% do total da indenização. Para que isso seja possível, todo passageiro deverá fornecer ao transportador nome completo e telefone de uma pessoa que possa, em seu lugar, receber o pagamento adiantado. Esse adiantamento, no entanto, não constitui reconhecimento de responsabilidade.
Com o objetivo de garantir a atualização monetária da indenização, o substitutivo estabelece ainda que as quantias definidas na lei serão revistas a cada dois anos.
Os limites máximos de indenização previstos no texto aprovado não se aplicam se for comprovado que o dano resultou de dolo ou culpa do transportador. O dolo ocorre quando o transportador teve intenção de produzir o resultado ou assumiu o risco de produzi-lo. Já a culpa é caracterizada quando o transportador demonstrou imperícia, negligência ou imprudência.

Histórico
Neuton Lima explica que, com a aprovação em 1999 em Montreal (Canadá) de novas regras sobre o transporte aéreo internacional, saíram de cenário a Convenção de Varsóvia e seus instrumentos, o que inclui o franco-poicaré.
Na avaliação de Lima, apesar de o Brasil não ser signatário da Convenção de Montreal, a melhor alternativa para a atualização dos valores daqueles limites de indenização é seguir os parâmetros definidos no Canadá, o que evita disparidade entre o tratamento oferecido aos usuários do transporte doméstico e os do transporte internacional.
Atualmente, a Convenção de Montreal adota como unidade monetária de referência, para efeito de indenização, os Direitos Especiais de Saques (DES). Nos casos de morte ou lesão corporal, são pagos 100 mil DES (cerca de R$ 406 mil).

Tramitação
A matéria está na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ), que apreciará sua constitucionalidade e juridicidade. Se aprovado na CCJ, seguirá para votação no Plenário da Câmara.



Da Redação/MS

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)