Cassilândia, Terça-feira, 22 de Maio de 2018

Últimas Notícias

11/04/2006 21:01

Comissão conclui que funcionários da Caixa são inocentes

Aloisio Milani/ABr

A Caixa Econômica Federal divulgou hoje (11) nota oficial para informar que a comissão interna, que apurou responsabilidade da quebra de sigilo bancário do caseiro Francenildo dos Santos Costa, concluiu que funcionários diretamente envolvidos no episódio não infringiram a lei e as normas internas da instituição.

Segundo a nota, "o processo de apuração interna seguiu rigorosamente as normas da instituição, assegurou ampla defesa aos empregados e o respeito à autonomia e à independência da comissão sindicante". A conduta do ex-presidente da Caixa Jorge Mattoso não foi avaliada pela comissão, porque, segundo a nota, ele não era empregado da instituição e sua participação é investigada pela Polícia Federal.

Uma das pessoas investigadas e absolvidas pela comissão interna da Caixa foi o consultor especial da Caixa Ricardo Schumann. Agora, a Caixa informou que vai aguardar as conclusões do inquérito da Polícia Federal e da análise do relatório ca Controladoria Geral da União.

Após a divulgação pela imprensa do extrato bancário do caseiro, foi aberto um inquérito para investigar o caso e saber a responsabilidade pelo crime de quebra de sigilo funcional. A Polícia Federal já indiciou o ex-presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Mattoso, e o ex-ministro da Fazenda, Antonio Palocci, por envolvimento com o caso.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 22 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)