Cassilândia, Terça-feira, 22 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

28/10/2003 08:20

Comissão começa a discutir e votar reforma tributária

Agência Senado

Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) começa a discutir e votar a reforma tributária amanhã, a partir das 10h, mas a previsão dos líderes partidários é de que a votação seja concluída apenas no dia 5 de novembro. Para esta quarta está prevista a leitura dos substitutivos do PSDB, que tem como relator o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), e do PFL, cujo relator é o senador Rodolpho Tourinho (PFL-BA).

O relatório do senador Romero Jucá (PMDB-RR), que já foi lido e teve pedido de vista coletivo, não tem unanimidade nem mesmo entre os partidos da base de sustentação do governo. Os líderes dos partidos aliados, Renan Calheiros (PMDB-AL) e Fernando Bezerra (PTB-RN), também não concordam com a forma como está sendo proposto o Fundo de Desenvolvimento Regional - os R$ 2 bilhões oriundos da receita do Imposto de Renda e do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) seriam repassados aos bancos para empréstimos a empresas que queiram investir nas regiões mais pobres do país, Norte, Nordeste e Centro-Oeste, mais o norte de Minas, Espírito Santo e noroeste do Rio de Janeiro.

Renan disse que o fundo “precisa ser aperfeiçoado” e deixou claro que o dinheiro deveria ser repassado diretamente aos governadores, para investimento em infra-estrutura. Em tese, o governo tem 47 votos contra 34 da oposição, mas a reforma tributária tem muitos pontos que dividem a base do governo, principalmente o Fundo de Desenvolvimento Regional.

A proposta do PFL e do PSDB, de correção anual da tabela do Imposto de Renda Pessoa Física, rejeitada pelo governo, tem o apoio do senador Paulo Paim (PT-RS). Paim argumenta que a correção irá melhorar o poder aquisitivo da população e, por conseqüência, reativar a economia e melhorar a arrecadação.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 22 de Setembro de 2020
Segunda, 21 de Setembro de 2020
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)