Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

24/11/2006 05:44

Comissão aprova telefone de empresa em cartão de crédito

Agência Câmara

A Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados aprovou o substitutivo do relator, deputado Iris Simões, ao Projeto de Lei 6914/06, do deputado Luiz Antonio Fleury (PTB-SP), que obriga a empresa administradora a inscrever o próprio endereço e telefone nos cartões de crédito usados por seus clientes, para fins de citação e/ou reclamações.

Pelo projeto, os atuais cartões deverão ser substituídos pelos novos, com endereço, CEP e telefone da administradora, no prazo de 30 dias contados da vigência da lei. A administradora fica também obrigada a comunicar aos clientes, com cinco dias de antecedência, eventuais alterações em seu telefone ou endereço.

O relator apoiou a aprovação do projeto com o argumento de que ele será "mais um instrumento legal capaz de dar efetividade ao mandamento constitucional de defesa do consumidor". Iris Simões destacou que a providência prevista pelo projeto será bastante útil em processos a cargo dos juizados especiais civis.

Sanções administrativas
O substitutivo acrescenta ao projeto a aplicação de sanções administrativas contra a empresa administradora de cartão de crédito que descumprir a obrigação. Para o caso de emissão ou manutenção de cartão sem as devidas informações, é estabelecida multa mensal de 10 mil ufirs, por cada cartão.

Para o caso da administradora não substituir os cartões pré-existentes no prazo de trinta dias, a multa prevista é de 5 mil ufirs mensais, por cada cartão desconforme mantido em circulação. E a empresa que não fizer a devida comunicação de alteração em seus telefones ou em seu endereço ficará sujeita a pagar multa de mil ufirs.

Tramitação
Com tramitação em caráter conclusivo, o projeto segue para as comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)