Cassilândia, Segunda-feira, 27 de Janeiro de 2020

Últimas Notícias

23/08/2019 13:00

Comissão aprova empréstimo de recursos de fundos constitucionais para turismo

Agência Câmara Notícias

A Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia da Câmara dos Deputados aprovou, na quarta-feira (14), proposta que autoriza os fundos constitucionais do Norte (FNO), Nordeste (FNE) e Centro-Oeste (FCO) a emprestar recursos para o setor de turismo no Brasil. O intuito é ampliar os canais de financiamento para a atividade turística, que responde por 3,2% da economia brasileira, segundo dados do governo.

A medida está prevista no Projeto de Lei 231/19, do deputado Roberto de Lucena (Pode-SP). O texto recebeu parecer pela aprovação do relator, deputado Capitão Alberto Neto (PRB-AM).

Neto argumentou que, de um lado, os fundos têm o objetivo de contribuir para o desenvolvimento econômico e social das regiões brasileiras e, de outro, o turismo é um componente essencial desse desenvolvimento. No entanto, o Brasil ainda ocupa posições ruins no ranking turístico internacional, conforme dados de 2017 do Relatório de Competitividade de Viagens e Turismo, do Fórum Econômico Mundial, o que justificaria a urgência de ampliar os incentivos ao setor.

“O Brasil ocupa nada menos que a primeira posição em atrativos naturais para turistas. Entretanto, no ranking geral de competitividade turística, o País ocupa um modestíssimo 27º lugar. Essa queda é explicada quando se considera a vergonhosa posição relativa do País em indicadores como recursos humanos (93º lugar) e priorização de viagens e turismo (106º lugar)”, destacou o relator.

A proposta altera as leis 7.827/89, que disciplina os três fundos, e 11.771/08, que trata da Política Nacional de Turismo.

O FNE, o FNO e o FCO recebem 3% do produto da arrecadação do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e do Imposto de Renda para investir em atividades econômicas regionais. Desse total, cabe 1,8% ao FNE, 0,6% ao FNO e 0,6% ao FCO. Entre as atividades que hoje podem ser financiados com recursos dos fundos estão a agropecuária, a mineração, a indústria e a agroindústria, o comércio e serviços.

Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda será analisado pelas comissões de Turismo; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 27 de Janeiro de 2020
Domingo, 26 de Janeiro de 2020
10:00
Receita do Dia
Sábado, 25 de Janeiro de 2020
10:00
Receita do Dia
Sexta, 24 de Janeiro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)