Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

18/02/2014 19:04

Comerciante é fuzilado em Ponta Porã, 4º brasileiro executado na fronteira

Filipe Prado, Campo Grande News

Em menos de uma semana, o quarto brasileiro foi executado na fronteira com o Paraguai. O comerciante Peterson Velilha, 30 anos, foi fuzilado, por volta das 17h de hoje, em frente à escola Mappe (Moderna Associação Pontaporanense de Ensino), na rua Antônio João, no centro de Ponta Porã, a 333 quilômetros da Capital, quando buscava o filho.

De acordo com o site Repórter MS, Peterson estacionou o seu carro em frente a escola, quando um veículo, não identificado, passou pelo local e metralhou o veículo. O comerciante tentou fugir, mas acabou sendo atingido e morreu na hora.

Pelo menos 15 tiros, conforme o site, atingiram Peterson, sendo oito de um fuzil calibre 227 e sete de uma 9 milímetros. A Polícia Militar de Ponta Porã foi acionada, como a Polícia Nacional do Paraguai, que relatou que os bandidos provavelmente ultrapassaram a fronteira paraguaia.

A família de Peterson disse que não tem nenhuma pista de quem seriam os autores do crime. O caso está sendo investigado pelo 1º DP (Distrito Policial) de Ponta Porã.

Fronteira – Este é o quarto brasileiro assassinado na fronteira com o Paraguai em menos de uma semana. No dia 14 de fevereiro, os ex-policiais militares Jorge Luís Ayala, 47 anos, e Edson Borda da Silva, 50, foram assassinados em Pedro Juan Caballero. A polícia suspeita de acerto de contas.

Já no dia 12, o perito papiloscopista da Polícia Civil, Marcílio de Souza, 51 anos, foi morto em uma loja em Ype-Jhú, cidade paraguaia que faz fronteira com o município de Paranhos. Um carro se aproximou do local onde estava Marcílio e efetuou seis disparos. Um dos tiros, de calibre 12, atingiu a cabeça do policial, que chegou a ser socorrido, mas morreu antes de ser atendido no Hospital Municipal de Paranhos

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)