Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

07/01/2010 15:13

Comerciante cai em golpe e perde 5 mil dólares

Campo Grande News/ Danúbia Burema

Uma comerciante de 50 anos entregou cinco mil dólares a um golpista que mentiu ter ganho na loteria, em mais um golpe do bilhete premiado. A ação ocorreu hoje às 9h40 em Ponta Porã, município que fica a 348 quilômetros de Campo Grande.

A vítima, que é dona de uma farmácia, contou à Polícia que fazia sua caminhada habitual quando foi abordada por um homem que dizia ser analfabeto. Com um bilhete em mãos ele disse que havia ganhado um bilhete de loteria premiado.

Durante a conversa, um casal de comparsas se aproximou da vítima e se prontificou a ajudar o golpista. O homem fingiu saiu para verificar se o bilhete estava premiado, e retornou dizendo que o prêmio era de vinte e três milhões e oitocentos reais.

Ao ouvir isso, o dono do bilhete fingiu passar mal e pediu uma prova de confiança da vítima, porque não poderia sacar o dinheiro, alegando não ter documentos.

A comerciante concordou em ir ao banco, mas quando chegou à agência alegou que seus cartões estavam bloqueados. Ela se prontificou a pegar dinheiro emprestado com um amigo no Paraguai.

Durante a ação, o estelionatário dizia para ela não contar a ninguém, porque tinha medo de ser assaltado. Na versão da vítima, a mulher que havia chegado depois mostrou a ela uma arma e mandou que ficasse quieta, a caminho do país vizinho.

A vítima pegou então cinco mil dólares com o amigo, em Pedro Juan Caballero, e entregou para o analfabeto, que reclamou que os dólares não teriam valor de depósito bancário.

Os golpistas simularam uma negociação como se estivessem pensando em dividir o prêmio sozinhos, e um deles perguntou se ela tinha crédito bancário.

Depois disso, levaram a vítima até uma residência onde pegariam mais dinheiro, em reais. Eles disseram para ela descer do carro e buscar a quantia com a esposa de um deles e ela consetiu.

Contudo, quando retornou os golpistas já haviam fugido com os dólares. Foi quando a comerciante percebeu o golpe.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)